Reavivados por Sua Palavra


DEUTERONÔMIO 29 – Comentário pr Heber Toth Armí by Jeferson Quimelli
9 de janeiro de 2016, 0:45
Filed under: Sem categoria

DEUTERONÔMIO 29 – Nossas escolhas revelam se somos sábios ou ignorantes. Muitos vivem como animais, não pensam antes de agir. Parecem viver por instinto. Agem, depois pensam; se arrependem, mas é tarde demais.

• As consequências de más escolhas não levam em consideração nossa ignorância.

Os filhos inocentes sofrem por causa de pais displicentes. Muitos culpados e causadores dos próprios sofrimentos questionam Deus por permitir tamanha desgraça pela qual vivem. Outros tentam transferir sua culpa: Aos pais, governo, igreja e/ou a Deus, pelas irresponsabilidades vividas irrefletidamente!

De acordo com este sermão de Moisés, precisamos considerar…

1. As ações de Deus em nossa vida: Moisés reflete o que Deus fez a Israel desde o êxodo até a chegada aos campos de Moabe (vs. 1-8);
2. O compromisso de Deus conosco baseado na graça, não em méritos: Moisés reafirma o significado gracioso da aliança entre Deus e Seu povo antes de entrar na Terra Prometida (vs. 9-15);
3. As consequências de negligenciar as advertências de Deus: Moisés apresenta o que ocorreria aos que negligenciassem a Deus após entrarem em Canaã (vs. 16-29).

Cada um de nós tem capacidade de escolher sabiamente. Não precisamos viver por instinto, a não ser que não queiramos pagar o preço de buscar sabedoria em Deus. Mas, é importante saber que podemos pagar o preço de nossa negligência – o que é pior!

Cada um de nós sempre terá opções de escolhas, ainda que estejamos em uma prisão. Nosso coração e mente, e até mesmo nossas ações e reações podem ser submetidos a Deus ou ao diabo – a escolha é nossa!

Cada um de nós tem liberdade de obedecer ou desobedecer a Deus. Ninguém é obrigado a nada; por isso, Deus precisou insistir tanto, e revelar os prós e os contra de cada uma das opções disponíveis.

Sugestões:

• Antes de qualquer decisão, considere com atenção as nobres alternativas – assim escolherás bem!
• Antes de fazer qualquer escolha, considere o que a Bíblia diz – assim tomarás as mais nobres decisões de tua vida!

A Bíblia (v. 29)…

1. …Não é tudo o que Deus sabe – não devemos bisbilhotar/especular o que não foi revelado!
2. …É revelação daquilo que é útil para nosso bem – devemos estudar, praticar e transmitir aos filhos seus ensinamentos!

“Senhor, reaviva-nos por Sua Palavra!” – Heber Toth Armí.


5 Comentários so far
Deixe um comentário

Como o sr diz que não é tudo o que Deus sabe? Por favor, me responda! Agradeço!

Comentário por Cláudia Cristina Gonçalves Ferreira

Pelo que eu sei, Deus sabe de todas as coisas!! Gostaria por gentileza que me esclarecesse! Obrigada!

Comentário por Cláudia Cristina Gonçalves Ferreira

Olá Cláudia,
O texto diz que “A Bíblia não é tudo o que Deus sabe”. Ou seja, Deus sabe muito mais do que está registrado/revelado na Bíblia.
Ele poderia revelar mais em Suas profecias, sobre a ciência, sobre nós mesmos ou sobre Ele, mas Ele preferiu falar o essencial para nossa salvação.
Abraço, Jeferson.

Comentário por jquimelli

Obrigada Jeferson, por me responder, na realidade eu não atentei para ” A Bíblia” que estava acima daquele comentário! Agora fez sentido! Um abraço!

Comentário por Cláudia Cristina Gonçalves Ferreira

OK, Claudia, foi um prazer. Estamos sempre à disposição para esclarecer as dúvidas. Elas também podem ser as dúvidas de muitos.
Nós é que agradecemos por você nos dar a oportunidade de deixar o texto mais claro.
Abração.

Comentário por jquimelli




Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: