Reavivados por Sua Palavra


Josué 7 by jquimelli
21 de janeiro de 2016, 1:00
Filed under: Sem categoria

Comentário devocional:

John Donne (1572-1631) escreveu: “Nenhum homem é uma ilha, sozinho em si mesmo;” *
Uma verdade a retirar destas palavras é que decisões imprudentes e ações individuais, na maior parte das vezes, afetam negativamente muitos outros além de você mesmo. Acã colocou seus próprios interesses acima dos outros. E sua escolha resultou na morte de 36 soldados e constrangimento para a causa de Deus.

O egoísmo contagia o espírito humano, e nesta época onde impera a gratificação instantânea, torna-se fácil para as pessoas racionalizarem suas decisões em fazer o que lhes interessa, independentemente de como isto possa afetar a outros.

Mas o reavivamento e a reforma inspirados pelo Espírito transformam a nossa mente para que [esta] reflita a mente de Cristo. Então, agradar a minha natureza pecaminosa deixa de ser o mais importante. Meu objetivo maior passa a ser agradar a Deus que me criou e abençoar meus irmãos em Cristo.

Willie Edward Hucks II
Secretário Ministerial Associado
Conferência Geral

* “Nenhum homem é uma ilha, sozinho em si mesmo; cada homem é parte do continente, parte do todo; se um torrão de terra for levado pelo mar, a Europa fica menor, como se fosse um promontório, assim como se fosse uma parte de seus amigos ou mesmo sua; a morte de qualquer homem me diminui, porque eu sou parte da humanidade; e por isso, nunca procure saber por quem os sinos dobram, eles dobram por ti.” Devotions Upon Emergent Occasions, and severall steps in my Sicknes, 1624.

Também disponível em: http://www.revivalandreformation.org/bhp/pt/biblia/js/7 e https://www.facebook.com/ReavivadosPorSuaPalavra
Texto original: http://www.revivalandreformation.org/bhp/en/bible/jos/7 e http://revivedbyhisword.org/en/bible/jsh/7/
Texto original expandido em: https://reavivadosporsuapalavra.org/2012/10/27/
Tradução: Jeferson Quimelli/Pr Jobson Santos/Gisele Quimelli
Texto bíblico: Josué 7
Comentário em áudio
Leituras da semana programa Crede em Seus Profetas: Patriarcas e Profetas, caps. 3-4



Josué 7 – Comentários Pr Heber Toth Armí by jquimelli
21 de janeiro de 2016, 0:45
Filed under: Sem categoria

JOSUÉ 7 – Ao experimentar qualquer tipo de derrota é importante buscar a razão na raiz do problema. A pior desgraça é ignorar que seus interesses pecaminosos são a causa de várias frustrações. O maior problema humano é negligenciar a solução no lugar certo.

As crises nas cidades, estados e países, nas empresas, famílias e igrejas devem-se aos pecados que cometemos. Como tudo seria diferente se fôssemos mais amantes das coisas espirituais do que das coisas carnais!

O pecado é abrangente, quem o comente prejudica a outros. Isso é evidente neste capítulo. Veja o esboço feito por David M. Howard, Jr.

1. O pecado (v. 1);
2. A derrota (vs. 2-5);
3. Lamento de Josué (vs. 6-9);
4. Instruções do Senhor (vs. 10-15);
5. Descoberta e consequência (vs. 16-26).

O pecado é pior que veneno de serpente peçonhenta, contudo, o preferimos mais que sorvete. Ele é destrutivo, mas nós o apreciamos mais que qualquer aperitivo. Se todos nós o considerássemos como ele realmente merece, nós o odiaríamos, desprezaríamos e fugiríamos dele.

Se “mentira tem pernas curtas”, o que dirá de roubo, adultério e assassinato? Se esconder em casa objetos de pessoas mortas causa o fracasso de uma nação inteira, o que dirá dos muitos pecados que cometemos? Isso explica nossa situação pessoal, familiar, social e politica…

Quem peca…

• …revela não importar-se com Deus, nem com os outros e nem consigo mesmo;
• …demonstra desejo diabólico de destruir sua família, sua igreja e sua nação;
• …desobedece a Deus;
• …rebela-se contra a vida!

Nunca subestime o poder do pecado! O que parece esperteza, leva-nos a um beco sem saída.

Ao Acã reconhecer seu pecado, não houve arrependimento. Seu ato foi devido a não ter como esconder mais seu erro. Nem toda confissão gera salvação, apenas confirma que Deus não erra.

Acã revela-nos que:

• Não adianta estar entre o povo de Deus servindo a si mesmo;
• De nada vale confiar em si mesmo para obter recursos;
• Pecado não é um ato que prejudica apenas quem o comete;
• Pecar é rebelar-se contra Deus;
• Destruímos a nós mesmos, nossa família e nossa igreja quando pecamos;
• A causa de nossas derrotas são nossas falhas de caráter;
• Sem dependência de Deus não há como vencer.

REFLITA: Essa história foi inspirada para alertar-nos!

Reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.



Josué 7 – Comentários selecionados [atualizado] by jquimelli
21 de janeiro de 2016, 0:19
Filed under: Sem categoria

Se Raabe, a cananeia que encontrou misericórdia, é uma história da graça de Deus em meio ao Seu julgamento (6.25), a história de Acã é uma história da santidade de Deus, da qual ninguém deve abusar. Bíblia de Genebra.

1 Prevaricaram. A palavra significa “agir de maneira clandestina”, “fazer traiçoeiramente” e, com o substantivo, “cometer um ato traiçoeiro”. É interessante notar que todo o povo de Israel é considerado culpado por causa da transgressão de um de seus membros. … Da mesma maneira, os transgressores dentro de uma igreja podem impedir que a bênção divina repouse sobre ela (ver T4, 68; T6, 371). Se a igreja deixa de tomar as medidas necessárias quando o pecado se torna conhecido, ela se torna participante dessa transgressão. CBASD – Comentário Bíblico Adventista do Sétimo Dia, vol. 2, p. 198.

a ira do Senhor. Diferente das antigas concepções pagãs da ira divina, na Bíblia a ira de Deus nunca é arbitrária ou caprichosa. Bíblia de Genebra.

Josué enviou homens d Jericó a Ai. Note o que é omitido. Diferente de antes,Josué, auto confiante na vitória de Jericó, falhou em consultar o Senhor antes de atacar Ai. Se ele tivesse esperado no Senhor, teria sabido do pecado de Acã. Andrews Study Bible.

Ao traçar os planos para a conquista de Ai, [Josué] foi negligente ao não buscar o conselho divino (PP, 493). CBASD, vol. 2, p. 200.

Não suba todo o povo. Fica claro que os espias, confiantes demais em si mesmos, subestimaram as defesas da cidade. Mais do que isso, porém, os israelitas, empolgados pela vitória, não se deram conta de que somente a ajuda divina poderia lhes dar o sucesso; portanto, não pediram o conselho de Deus quando fizeram planos para atacar Ai. … A presença de Deus em nosso meio no passado não garante a continuidade de Sua presença no futuro. Na vida religiosa, é preciso haver dependência contínua do Senhor, um constante questionamento acerca do que ele quer que façamos. A graça e a força não bastam para as exigências da seguinte. Josué não levou em conta essa lei espiritual. Ao traçar os planos para a conquista de Ai, foi negligente ao não buscar o conselho divino (PP, 493). CBASD, vol. 2, p. 200.

Muita vezes confiamos em nossas próprias habilidades e força, especialmente quando a tarefa parece simples. Nós vamos a Deus somente quando os obstáculos parecem grandes demais. Contudo, somente Deus sabe o que está à frente.Consultar a Ele, mesmo quando estamos em uma série de vitórias, pode nos salvar de graves erros ou erros de julgamento. Life Application Study Bible Kingsway.

o coração do povo se derreteu. A desobediência em Israel representou um grande retrocesso. Agora, os israelitas se encontram na situação dos cananeus, conforme se vê em 2.11; 5.1. Bíblia de Genebra.

rasgou as vestes. Sinal de grande aflição (v. Gn 37.29, 34; 44.13; Jz 11.35). A consternação de Josué (e também a do povo), como indica a sua oração, resultou da percepção de que o Senhor não estivera com as tropas de Israel na batalha. E sem o Senhor seria impossível todo o empreendimento por causa do qual Israel atravessara o Jordão. Além disso, os cananeus passariam a considerar que nem Israel e nem o seu Deus eram invencíveis. Sairiam das suas cidades fortificadas e combinariam suas inúmeras forças para descer sobre israel no vale do Jordão, de onde Israel não poderia escapar atravessando a cheia do Jordão. Bíblia de Estudo NVI Vida.

O costume de rasgar as vestes em sinal de luto ou angústia teve origem nos tempos antigos (Gn 37:34; 44:13). Em geral, rasgava-se a frente da vestimenta externa, sobre o peito, numa extensão que não ultrapassava um palmo. … A fé demonstrada por Josué o tinha levado a esperar somente vitórias, e ele parecia incapaz de compreender o fracasso. No entanto, há condições para a realização das promessas de Deus, e Josué e os israelitas não as tinham cumprido (ver com. de Js 7:3). CBASD, vol. 2, p. 201.

7-9 Imagine orar a Deus desta maneira. Esta não é uma oração formal a se fazer em uma igreja; é a oraçã ode um homem que esta com medo e confuso a respeito do que está acontecendo em volta dele. Josué derramou seus reais pensamentos a Deus. Esconder as necessidades de Deus é ignorar o Único que realmente pode ajudar. Deus acolhe com prazer suas orações honestas e quer que vcê expresse seus verdadeiros sentimentos a Ele. Qualquer crente pode se tornar mais honesto em oração ao lebrar que Deus é onisciente e todo poderoso e que Seu amor é eterno. Life Application Study Bible Kingsway.

Teu grande nome. A reputação de Deus estava em jogo (Êx 32.12; Nm 14.12-16; Ez 36.16-23). Bíblia de Genebra.

Sempre devemos lembrar que nossa fidelidade ou infidelidade simplicam a honra não só da igreja, mas também do nome de Deus. CBASD, vol. 2, p. 201.

10 Levanta-te! Ou, “defenda-se”. Aquele era um momento de ação, não de se queixar. CBASD, vol. 2, p. 201.

11 Israel pecou. Se Deus houvesse continuado a lutar pelos israelitas, estaria sancionando o pecado deles e estimulando sua continuidade. CBASD, vol. 2, p. 201.

debaixo da bagagem. Como se lhes pertencesse. CBASD, vol. 2, p. 202.

13 Santificai-vos. Significa que  os israelitas deveriam proceder aos ritos de puritifcação como aqueles mencionados em 3.5 quando estavam se preparando para atravessae o rio Jordão. Tais ritos prepararam o povo para se aproximar de Deus e constantamente os lembravam de sua pecaminosidade e de Sua santidade. Life Application Study Bible Kingsway.

O período de introspecção ordenado neste versículo deu a Acã uma oportunidade única de refletir sobre a transgressão e reconhecê-la. O pecado tem uma maneira especial de endurecer o coração humano e diminuir a repugnância do ato. Acã só reconheceu sua culpa quando foi forçado a fazê-lo e, mesmo nesse momento, não demonstrou um espírito de verdadeiro arrependimento. ele provavelmente se iludia, pensando que outros eram tão culpados quanto ele. Uma pessoa culpada costuma acreditar que outros são culpados do mesmo pecado que ela tem o hábito de cometerCBASD, vol. 2, p. 202.

14 que o SENHOR designar. O método usado foi o sorteio (PP, 494), artifício mencionado com frequência na Bíblia. No entanto, é preciso ter cautela no emprego desse meio de conhecer a vontade divina. Esse caminho só é seguro quando Deus, por meio da inspiração, indica que é o método que Ele escolhe. Se o Senhor não participa do procedimento, o sorteio não passa de uma forma de recorrer ao acaso, como o seria atirar uma moeda ou escolher uma carta. … O Senhor dotou os seres humanos de inteligência e espera que desenvolvam a capacidade de tomar as próprias decisões. Se em todas as decisões da vida as pessoas pudessem determinar por meio de um sinal qual é a vontade divina, perderiam a força mental e não atingiriam o desenvolvimento necessários da inteligência e do caráter. Aqueles que tem o hábito de recorrer ao acaso para tomar decisões, debilitam toda sua vida espiritual. No começo da vida religiosa, e em algumas ocasiões a partir de então, Deus pode ter honrado nossa fé em desenvolvimento, dando-nos respostas identificáveis por tais meios, mas isso não significa um desejo de Sua parte de que sempre dependamos desse método. O ideal do desenvolvimento cristão é ter a mente tão imbuída do conhecimento divino e as faculdades tão educadas que, ao seguir nossos impulsos, façamos tão somente a vontade de Deus (DTN, 668). CBASD, vol. 2, p. 202.

15 será queimado, ele e tudo quanto tiver. É provável que todos os membros da família de Acã tiveram alguma parte nesta desobediência ao mandamento de Deus, e por isso todos seriam punidos. Bíblia Shedd.

A família de Acã tivera ciência do seu crime. Dificilmente poderia ter sido de outra maneira, já que os bens foram enterrados na tenda deles. Comentário Bíblico Devocional Velho Testamento. F. B. Meyer.

19 meu filho. Josué adotou atitude paternal para com Acã. Bíblia de Estudo NVI Vida.

Esta expressão pode dar uma ideia do que se passava no coração de Josué. … Jesus, nosso exmplo, pronunciou Suas mais duras repreensões com lágrimas nos olhos (DTN, 353), e Josué manifestou muitas das qualidades de Cristo. Não é difícil compreender por que Deus o escolheu, nem por que o povo serviu o Senhor durante toda a vida desse líder. CBASD, vol. 2, p. 203.

20 pequei. A revelação pública da culpa assegurou a cooperação de Acã, que prontamente confessou o crime. Sua culpa ficou confirmada sem dar espaço para dúvidas, não abrindo precedentes para que aqueles que simpatizassem com ele fizessem a acusação de que ele fora injustamente condenado. Dessa forma, o problema podia ser resolvido de uma vez por todas, em vez de ficar remoendo por anos no coração dos que estivessem predispostos à crítica. CBASD, vol. 2, p. 203.

21 uma boa capa babilônica. Essas vestes era decoradas com figuras trabalhadas no próprio tecido ou bordadas com agulha (ver Ez 23:15). Eram caras, só se encontravam ao alcance dos membros da realeza ou dos cidadãos mais ricos. Josefo diz que se tratava de “uma vestimenta real, tecida inteiramente de ouro”. É provável que Acã tenha dado os passos costumeiros de todo pecado. Primeiro olhou, depois cobiçou e finalmente agiu. Após furtar, o passo seguinte foi ocultar o que havia feto. Para conseguir evitar o pecado, é preciso expulsar de imediato a primeira insinuação do mal: a primeira olhada (ver Gn 3:6).  CBASD, vol. 2, p. 203.

vi… cobicei-os e tomei-os. Pode haver aqui uma alusão a Gn 3.6 em que esses três verbos ocorrem na mesma ordem. O padrão do jardim do Éden foi repetido na Terra Prometida; nem bem o dom de Deus havia sido dado e os recebedores já desejaram aquilo que fora proibido e tomaram do mesmo. Bíblia de Genebra.

cobicei. A raiz do pecado de Acã foi a cobiça, o primeiro pecado do universo (Is 14:13-14), assim como o primeiro pecado registrado na igreja do NT (at 5:1-11). O pecado da cobiça é especialmente ofensivo a Deus (ver Mt 6:24; Lc 12:15; Ef 5:3; Cl 3:5). O décimo mandamento do Decálogo que proíbe a cobiça é diferente dos outros nove porque ele condena a verdadeira raiz de todos os pecados, proibindo o desejo egoísta que dá origem ao ato pecaminoso (Êx 20:17; ver tb Rm 7:7, 14, 25). Andrews Study Bible.

26 apagou o furor da Sua ira. A ira de Deus, sendo justa, cessa quando o pecado é resolvido. Isso é fundamental para o ensino do Novo Testamento de que a morte de Cristo é um sacrifício expiatório ou propiciatório (Rm 3.25-26). Bíblia de Genebra.

pelo que aquele lugar se chama o vale de Acor. No hb a palavra “akar” significa perturbar. Tanto o nome do vale como o do homem (Acã) são relacionados com esta palavra. É o vale da perturbação [ver tb 1 Cr 2.7]. Bíblia Shedd.




%d blogueiros gostam disto: