Reavivados por Sua Palavra


O Blog Reavivados dará prêmios – Como participar by Jeferson Quimelli
11 de junho de 2021, 21:21
Filed under: Sem categoria

Nós, do blog ReavivadosporSuaPalavra.org, estamos muito felizes porque em breve completaremos 20 milhões de visualizações de nossos conteúdos.

Em comemoração ao número significativo de visualizações, daremos 10 presentes aos nossos seguidores.

Como fazer para concorrer ao BRINDE?

1 – Publique em suas redes sociais uma frase para divulgar o blog “Reavivados” com o link do mesmo.
Exemplo: Eu gosto de acessar diariamente o site http://www.ReavivadosporSuapalavra.org (pode ser outra frase da sua preferência. É importante conter o link para o site)

2 – Envie uma impressão (print) da sua publicação, para o email: reavivamentofinal@gmail.com.
Também vale um print de uma tela que registre entre 20.000.000 a 20.000.005 visualizações.

3 – Uma semana depois de alcançarmos 20 milhões de visualizações, sortearemos os prêmios entre os que nos enviaram emails.
Divulgaremos os nomes dos sorteados aqui no blog.

Esta é uma boa maneira de comemorar, não é mesmo?

Que o Senhor seja louvado pela leitura de Sua Palavra e a impressão de Sua salvação em nossos corações!

Não desanimem, mantenham a fé e o olhar em Deus e na missão de levar muitos aos Seus pés, porque a Sua redenção se aproxima!

Equipe do Reavivados Por Sua Palavra



MARCOS 16 – ACESSE AQUI O POST DESEJADO by Jeferson Quimelli
11 de junho de 2021, 1:00
Filed under: Sem categoria

TEXTO BÍBLICO MARCOS 16Primeiro leia a Bíblia

MARCOS 16 – COMENTÁRIO BLOG MUNDIAL (Associação Geral)

MARCOS 16 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS

COM. TEXTO – ROSANA GARCIA BARROS

COM. TEXTO – PR HEBER TOTH ARMÍ

Acesse os comentários em vídeo em nosso canal do Youtube

(pastores Adolfo, Valdeci, Weverton, Ronaldo e Michelson)



MARCOS 16 by Jobson Santos
11 de junho de 2021, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://pesquisa.biblia.com.br/pt-BR/NVI/mc/16

De acordo com Pedro, as pessoas que primeiro viram a Jesus ressuscitado foram escolhidas intencionalmente por Deus para se tornarem testemunhas (Atos 10:40-41). A sabedoria infinita determinou que uma ex-endemoninhada, cujo depoimento seria inadmissível num tribunal, fosse a primeira testemunha ocular. O que a qualificou para tamanho crédito? Embora não possamos ter a pretensão de discernir completamente os propósitos de Deus, Marcos registra alguns detalhes que qualificam Maria em relação aos demais discípulos. Ele observa que Maria foi uma testemunha ocular da morte de Jesus (Marcos 15:40), do sepultamento (Marcos 15:47) e do túmulo vazio (Marcos 16:1-7).

A presença de Maria nessas ocasiões continha uma elevada probabilidade de perda, sem nenhuma promessa de recompensa pessoal. Foi a perspectiva de perda sem perspectiva de recompensa que fez com que os onze abandonassem a sua fé (Marcos 14:50). Por que a fé de Maria perdurou?

A fé que é construída fundamentalmente sobre o que é esperado no futuro – como perda ou recompensa – não terá longa duração. Ela flutuará para mais ou para menos conforme a probabilidade das expectativas. Mas a fé que é fundamentada sobre o que foi experimentado no passado – como a libertação do poder do mal (Marcos 16:9) – nunca vai esmorecer. Que a nossa fé, como a de Maria, permaneça alicerçada em nossas experiências pessoais do poder e do amor de Jesus.

Ean Nugent
Engenheiro de software, Bowie, Maryland, EUA

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/?id=1219
Tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli/Luis Uehara



MARCOS 16 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS by Jeferson Quimelli
11 de junho de 2021, 0:50
Filed under: Sem categoria

635 palavras

1 Passado o sábado. Após o pôr do sol do sábado. Bíblia de Estudo Andrews.

para irem embalsamá-Lo. Na verdade, os judeus não praticavam o embalsamamento. A unção era semelhante à prática de levar flores a uma sepultura no mundo ocidental moderno, ou seja, um sinal de amor e respeito. Bíblia de Estudo Andrews.

7 Pedro. Apenas Marcos se refere a Pedro aqui [na ressurreição]. CBASD – Comentário Bíblico Adventista do Sétimo Dia, vol. 5, p. 721.

Jesus restaura aquele discípulo que caiu em estado de desânimo, após tê-Lo negado. Bíblia Shedd.

9-20. Este trecho não consta em alguns dos melhores manuscritos da antiguidade. Há, também, indicações de que não foi escrito por Marcos. … Apesar disso, ainda não é decisiva a hipótese da não inspiração [divina] do trecho. O motivo, por outro lado, é claro: dar uma conclusão adequada ao evangelho que talvez tivesse sido mutilada e perdida, com o passar do tempo. Bíblia Shedd.

Existe um debate considerável entre os eruditos para saber se estes versículos faziam parte do original do evangelho de Marcos. Há evidências plausíveis para ambos os lados da questão. Portanto, deve-se ter cautela ao elaborar qualquer ensino específico [p. ex: batismo, exorcismo, línguas, invulnerabilidade, curas] com base somente nesta passagem. Porém, podemos usar este valioso resumo, uma vez que ele é confirmado por outras passagens das Escrituras. Bíblia de Estudo Andrews.

11 Não acreditaram. Este registro da incredulidade dos discípulos, mesmo em face dos testemunhos que afirmavam a ressurreição de Cristo, constitui uma forte evidência em favor da precisão e confiabilidade do relato histórico da ressurreição, inclusive nos seus mínimos detalhes. CBASD, vol. 5, p. 722.

14 Quando estavam à mesa. Parece que os discípulos transformaram em sua habitação temporária o aposento superior em que tinham participado juntos da Última Ceia. CBASD, vol. 5, p. 722.

15 Ide. … estes versículos [15 a 18] são, provavelmente, um breve relato de parte das amplas instruções que Jesus deu a cerca de 500 pessoas reunidas em uma montanha da Galileia. CBASD, vol. 5, p. 722.

16 Será salvo. Aqui se apresentam dois requisitos para os que aceitam os ensinos do evangelho: fé em Jesus e batismo. O primeiro é a aceitação íntima da salvação proporcionada pela morte vicária do Redentor do mundo; o segundo é a demonstração externa de uma mudança interior da vida (ver com. de Rm 6:3-6). CBASD, vol. 5, p. 722.

17 Estes sinais. Isto é. as demonstrações sobrenaturais e miraculosas do poder divino (ver p. 204, 205). No entanto, mesmo que os milagres sejam valiosos, não é impossível falsificá-los ou fazer circular notícias de supostos milagres. Estas notícias tendem a confundir o incauto e atrair o incrédulo. Em realidade, os milagres não constituem a evidência mais poderosa de que seja genuína a manifestação do evangelho (CTN, 406, 799). Deve-se lembrar que Jesus Se recusou a realizar milagres como sinais. CBASD, vol. 5, p. 723.

Novas línguas. Este dom … foi concedido quando se tornou necessário (ver com. de 1Co 14). CBASD, vol. 5, p. 723.

18 Pegarão em serpentesalguma coisa mortífera beberem. Cf At 28.3-6. Falta exemplo de alguém beber veneno e sobreviver no NT. Bíblia Shedd.

19 Depois de lhes ter falado. Esta frase de transição sugere que a ascensão ocorreu imediatamente após a comissão dos v. 15 a 18. Contudo, não parece ter sido o caso. É mais provável que aqui se faça referência a um intervalo mais prolongado. CBASD, vol. 5, p. 723.

À destra. A posição de honra e autoridade. CBASD, vol. 5, p. 723.

Trata-se, não da posição de Seu corpo, mas da majestade do Seu império (Calvino, cf. Sl 110.1; Mc 14.62). Bíblia Shedd.

20 Eles, tendo partido. Somente em Marcos se descreve, ousadamente, os triunfos do evangelho realizados pelo Espírito Santo mediante os apóstolos, durante os primeiros anos após a ascensão de Cristo. CBASD, vol. 5, p. 723.

Pregaram em toda a parte. Esta foi e continua sendo a missão dos seguidores  de Cristo (ver Mc 16:15). CBASD, vol. 5, p. 723.

Cooperando com eles. Na providência de Deus,  o poder divino sempre se unirá ao esforço humano. CBASD, vol. 5, p. 723.



MARCOS 16 – Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
11 de junho de 2021, 0:45
Filed under: Sem categoria

“Quem crer e for batizado será salvo; quem, porém, não crer será condenado” (v.16).

Essa semana li o testemunho de uma criança que muito me tocou. Aos três anos de idade, após ele ter sonhos frequentes com o juízo final e o lago de fogo, sua mãe, uma ex-adventista do sétimo dia, ficou impressionada com a descrição dos sonhos do menino serem exatamente como diz a Bíblia, sendo que ela nunca o havia ensinado sobre isso. Após a insistência de seu filho, ela se viu obrigada a levá-lo à igreja. Com apenas quatro anos, o menino então insistia para ser batizado. É claro que houve resistência quanto a isto, visto ser de tão pouca idade. Mas ele não desistiu e continuou pedindo à sua mãe que falasse com o pastor para batizá-lo. Diante da promessa de que a mãe o instruiria no caminho em que deve andar, o menino foi batizado, tornando-se um frequentador assíduo de todos os cultos da igreja, um pequeno pregador e levando toda a sua família ao batismo.

Vejo esse testemunho recente como uma amostra do alto clamor do Espírito Santo ao povo de Deus. Deus está convocando o Seu derradeiro exército. Aos que saíram de Suas fileiras, Ele está chamando de volta. Aos que estão dormindo no pior momento do conflito, Ele está despertando. Aos que nunca O conheceram, Ele está Se apresentando. Como a pedra que foi removida do túmulo, a grande verdade de que Aquele que vive voltará, tem enchido alguns “de temor e de assombro”, de modo que, “de medo”, não dizem nada “a ninguém” (v.8). Outros, libertados das correntes do Maligno, têm levado aos que “se achavam tristes e choravam” (v.10) o grande consolo desta mensagem de esperança. Outros ainda, não reconhecem a Jesus de pronto, mas, ao se darem conta de quem Ele é por meio das Escrituras, logo saem a anunciar “aos demais” (v.13) o que não podem guardar apenas para si.

A que grupo você e eu pertencemos hoje? É importante lembrar que foi aos onze que andaram lado a lado com Jesus por três anos e meio – que dEle mesmo ouviram a revelação de Sua ressurreição – que Jesus teve que censurar pela “incredulidade e dureza de coração, porque não deram crédito aos que O tinham visto já ressuscitado” (v.14). Daí eu volto para aquele testemunho da criança. Como a mãe percebeu que seu filho, mesmo tão pequenino, estava falando a verdade sobre os seus sonhos? Porque ela lembrou do que estava escrito. Meus amados irmãos, estamos encerrando o estudo de mais um dos evangelhos. E por mais que você e eu possamos nos julgar bons cristãos, ninguém estará preparado para o que virá se não estiver bem alicerçado na Palavra de Deus “orando em todo tempo no Espírito” (Ef.6:18).

Satanás está a revelar seus mais ardis e sutis enganos. Não se apresentará ao mundo como o inimigo das almas, mas como um amigo piedoso e sensível às necessidades humanas. Aquele que tentou desanimar os hebreus no Egito imitando os primeiros prodígios de Deus, tentará enganar nesses últimos dias, “se possível, os próprios eleitos” (Mt.24:24). Através de sinais e milagres, Satanás introduzirá entre os imprudentes seu último engano. Mas assim como Moisés segurou firme seu bordão apontando para o Céu como a fonte de cada prodígio, chegará o momento em que até os ímpios terão de reconhecer diante dos flagelos finais: “Isto é o dedo de Deus” (Êx.8:19).

Semelhante à promessa do anjo: “lá O vereis, como Ele vos disse” (v.7), Jesus nos prometeu: “voltarei e vos receberei para Mim mesmo, para que, onde Eu estou, estejais vós também” (Jo.14:3). Essa promessa, contudo, só faz sentido para o que crê. Você crê? Se uma criança de apenas quatro anos conseguiu entender esta verdade, você e eu também podemos entendê-la e vivê-la. “Quem crer [em Jesus] e for batizado será salvo”. “E, agora, por que te demoras? Levanta-te, recebe o batismo e lava os teus pecados, invocando o nome dEle” (At.22:16). Então, receberás poder ao descer sobre você o Espírito Santo e serás uma testemunha de Jesus pregando “o evangelho a toda criatura” (v.15; At.1:8). Pois Aquele que “foi recebido no Céu e assentou-Se à destra de Deus” (v.19) já está às portas. Sigamos, pois, a ordem do Mestre, pelo poder do Espírito, pregando “em toda parte” (v.20), conforme os dons que Ele dá, “a cada um, individualmente” (1Co.12:11). Vigiemos e oremos!

Bom dia, discípulos de Cristo Jesus!

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus #Marcos16 #RPSP

Comentário em áudio: youtube.com/user/nanayuri100



MARCOS 16 – COMENTÁRIO PR HEBER TOTH ARMÍ by Jeferson Quimelli
11 de junho de 2021, 0:40
Filed under: Sem categoria

MARCOS 16 – Este capítulo conclui a ousada mensagem de Marcos, e deixa os romanos e nós diante de uma importante decisão.

O capítulo contém os seguintes pontos, conforme destaca o Comentário Bíblico Adventista:
1. Um anjo anuncia a ressurreição de Cristo a três mulheres (vs. 1-8);
2. O próprio Cristo Se apresenta:
• a Maria Madalena (vs. 9-11);
• a dois outros no caminho para o campo (vs. 12-13);
• aos apóstolos (v. 14).
3. Os apóstolos são enviados a pregar o evangelho (v. 15-18).
4. Cristo ascende ao Céu (vs. 19-20).

Nesta passagem, é evidente “o poder de um forte amor a Cristo. Encontramos uma poderosa ilustração disso na conduta de Maria Madalena, da outra Maria e de Salomé, conforme este registro feito por Marcos. Ele nos revela que elas ‘compraram aromas’ e que ‘muito cedo, no primeiro dia da semana, ao despontar do sol, foram ao túmulo’

“Com toda a razão, podemos crer que era preciso muita coragem para alguém fazer aquilo. Visitar um sepulcro, na penumbra do alvorecer, nos países do Oriente submeteria à provação a maioria das mulheres, sob quaisquer circunstâncias. Porém, visitar o sepulcro de alguém que fora executado como um malfeitor qualquer e levantar-se bem cedo, a fim de honrar a alguém que a nação delas havia desprezado – isso de fato, era uma notável ousadia…

“Por qual motivo vemos tão pouco desse fortíssimo amor por Jesus, entre os crentes de hoje? Por que tão raramente nos deparamos com santos que enfrentarão qualquer perigo, que passarão pelo fogo e pela água, por amor a Cristo? Só há uma resposta. É por causa da debilidade da fé e do baixo senso de obrigação para com Cristo, que prevalece tão largamente entre nós” (J. C. Ryle).

Importante considerar estas verdades:
• A ressurreição de Cristo nos dá certeza que a morte já não tem a última palavra. Só Jesus a tem.
• O Filho de Deus veio a este mundo, onde foi crucificado, morto e ressuscitado. Agora Ele está vivo intercedendo pelos pecadores no Céu. Se nossa vida não for impactada por isso, o que a impactará?
• O temor dos desafios por seguir e servir a Cristo deve ser menor que nosso amor e fervor por Ele.

Decida-se por Cristo que Se entregou por Ti! Reaviva-te! – Heber Toth Armí.

Compartilhe conosco como a forte mensagem de Marcos alcançou teu coração nestes 16 dias:




%d blogueiros gostam disto: