Reavivados por Sua Palavra


I Samuel 7 by Jeferson Quimelli
10 de março de 2016, 1:00
Filed under: Sem categoria

Comentário devocional:

As pessoas estavam prontas para o reavivamento e reforma e Samuel os convidou a agir. Eles deixaram de adorar ídolos e serviram somente ao Senhor. Assim, Samuel conclamou Israel para se reunir como um só povo em Mispa. Esse encontro foi visto pelos filisteus como um ato de guerra e eles enviaram seu exército contra eles.

“Então Samuel pegou um cordeiro, ainda não desmamado, e o ofereceu inteiro como holocausto ao Senhor” (v 9). Uma grande tempestade do Senhor ajudou os hebreus a derrotar os filisteus. Isto é interessante, pois Baal, a quem os filisteus adoravam, era o deus da tempestade. Israel tornou-se vitorioso.

Todas as nossas vitórias vêm através do Cordeiro. É como lemos no Apocalipse: “Eles o venceram pelo sangue do Cordeiro e pela palavra do testemunho que deram” (Ap 12:11). Na crise final, o dragão, a besta e o falso profeta estão unidos contra o Cordeiro. Parece que o Cordeiro não tem como sobreviver. Mas, alegre-se! O Cordeiro já obteve a vitória!

Senhor, ajuda-nos a contemplarmos o Cordeiro vitorioso conduzindo o Seu povo remanescente de volta para casa, em triunfo!

David Manzano
Pastor aposentado

Também disponível em:http://www.revivalandreformation.org/bhp/pt/biblia/1sa/7 e https://www.facebook.com/ReavivadosPorSuaPalavra
Texto original:http://www.revivalandreformation.org/bhp/en/bible/1sa/7 e http://revivedbyhisword.org/en/bible/1sa/7/
Texto traduzido anterior:https://reavivadosporsuapalavra.org/2012/12/13/
Tradução: Jeferson Quimelli/Pr Jobson Santos/Gisele Quimelli
Texto bíblico: I Samuel 7
Comentário em áudio
Leituras da semana programa Crede em Seus Profetas: Patriarcas e Profetas, cap. 13



I Samuel 7 – Comentário Pr Heber Toth Armí by Jeferson Quimelli
10 de março de 2016, 0:45
Filed under: Sem categoria

I SAMUEL 7 – Deus prefere usar incapacitados para operar Seus extraordinários milagres, porque, exatamente por suas limitações, dependem totalmente de Seu poder sobrenatural.

Quem era Samuel? O texto sagrado não o mencionou mais desde quando o deixou como menino proferindo palavras proféticas ao velho/experiente Eli (capítulo 3). Aproximadamente após 20 anos, ele reaparece; talvez, jovem entre muitos experientes (vs. 1-3).

O povo lamentava a sorte. Tudo continuava igual, ruim. Embora a Arca da Aliança estava de volta, não havia paz, nem vigor espiritual. Por quê? Devido à carência de total consagração, apego aos ídolos e falta de arrependimento verdadeiro (v. 4).

Então, Samuel promoveu um projeto espiritual. Intercedendo pelo povo e convocando-o para reunião, liderou um reavivamento aos que viviam em lamento (v. 5-7).

• Além de retirar ídolos para servir ao Senhor com integridade, é necessário consagrar-se mediante jejum e reconhecimento sincero dos pecados, confessando-os a Deus.
• Não basta abandonar práticas espúrias na adoração, é necessário consagração pura.
• Deus abomina sincretismos religiosos, rejeita adoração com tradição pagã.

O reavivamento espiritual impactou aos filisteus; contudo, em vez de converterem-se, organizaram-se para atacar os consagrados, intimidando aos israelitas; entretanto, Samuel os desafiou a continuar clamando a Deus por livramento.

• Reavivamento desperta oposição. Mas também, reavivamento produz livramento (vs. 8-9).

Deus respondeu a oração da congregação e a intercessão de Samuel. Os filisteus foram derrotados. As cidades israelitas foram recuperadas. E, paz voltou a reinar em Israel enquanto Samuel foi juiz (vs. 10-17).

• Pessoas do povo de Deus podem estar tão despreparadas para servir a Deus tanto quanto os filisteus; até alguém levantar-se e promover reavivamento e reforma espirituais.

• Sempre que houver necessidade de levar o povo para mais perto de Seu ideal de adoração, Deus levantará um profeta. Seu amor e graça não diminuíram no tempo do fim; por conseguinte, após longo período de trevas espirituais da Idade Media, Deus levantou Ellen G. White visando conduzir Seu povo para mais perto de Si, de Sua Palavra, e de Seu ideal de adoração.

• A vitória à igreja vem somente após a união dos filhos de Deus quando alinhar o coração pervertido ao amoroso coração divino, mediante perseverante oração, jejum e serviço.

• Oração é a maior fortaleza do cristão!

Ao orarmos, diremos: “Até aqui nos ajudou o Senhor!” – Heber Toth Armí.



I Samuel 7 – Comentários selecionados by Jeferson Quimelli
10 de março de 2016, 0:30
Filed under: Sem categoria

a arca do Senhor não foi levada a Silo, que os filisteus já haviam destruído junto com o tabernáculo (ver 4.10). Bíblia Shedd.

Abinadabe … Eleazar, seu filho. Fica claro, pelo contexto da passagem, que Abinadabe, cujo nome quer dizer “mau pai é nobre”, pertencia a uma família sacerdotal. O nome de seu filho [Eleazar] significa “Deus tem ajudado”, um sentido adequado para a história do capítulo. Bíblia de Estudo Andrews.

20 vinte anos. A arca permaneceu tanto tempo em um só lugar por causa do medo do povo, depois das várias mortes relatadas no capítulo anterior. Bíblia de Estudo Andrews.

3-9 Aprendemos aqui os passos sucessivos que devem ser tomados para experimentarmos um reavivamento, seja para a Igreja ou para o indivíduo. (1) Unidade. Todo o Israel se congregou ali. As divisões e os ciúmes dos anos precedentes foram postos de lado. (2) Confissão. Os israelitas derramaram o coração perante Deus. (3) O abandono dos falsos deuses. Eles “tiraram dentre si os Baalins e Astarotes, e serviram só ao Senhor” (7.4). (4) Oração intercessória. A única condição para avivamento é o retorno à oração. “Não cesses de clamar ao SENHOR nosso Deus por nós.” (5) Total rendição, como ficou demonstrado no holocausto de Samuel. Rende-te a Deus e os filisteus serão desbaratados, e tu erguerás teu Ebenézer. Comentário Bíblico Devocional – Velho Testamento, F. B. Meyer.

preparai o vosso coração. Na Bíblia, o coração é considerado o centro dos pensamentos de uma pessoa. Bíblia de Estudo Andrews.

Era o Dia da Expiação (Lv 23.27), quando se praticava um completo jejum, com a confissão de pecados (6). Bíblia Shedd.

Samuel aparece na narrativa pela primeira vez desde a batalha de Afeca, desempenhando o papel de um reformador na tentativa de fazer um povo idólatra e egoísta se voltar para Deus. … Samuel sabia que se o povo abandonasse a idolatria e se recusasse a servir aos deuses filisteus, isso seria interpretado como o equivalente a uma rebelião contra a supremacia filisteia e, é claro, significaria guerra. Contudo, Samuel tinha confiança nas promessas de Deus e prosseguiu inspirando esperança num povo desolado. … Um dos maiores incentivos para o cristão é a certeza de que Deus nunca é surpreendido, quaisquer que sejam as circunstâncias. CBASD, vol. 2, p. 512.

Samuel exortou os israelitas a jogar fora os deuses estranhos [estrangeiros]. Ídolos hoje são mais sutis do que deuses de madeira e pedra, mas são tão perigosos quanto eles. Seja o que for que ocupe o primeiro lugar em sua vida ou controle você é seu deus. Dinheiro, sucesso, bens materiais, orgulho ou qualquer outra coisa pode ser um ídolo se tomar o lugar de Deus em nossas vidas. O Senhor somente é digno de nosso serviço e adoração e não devemos deixar que nada se rivalize com Ele. Se temos “deuses estranhos”, precisamos pedir que Deus nos ajude a destroná-los, fazendo o verdadeiro Deus a nossa prioridade. Life Application Study Bible Kingsway.

baalins, plural  de Baal, deus supremo dos cananeus. Astarotes, plural de ‘Ashtoreth, deusa da fertilidade e do amor profano. Bíblia Shedd.

A adoração a Astarote é muitas vezes combinada com a adoração a Baal (cf. v. 4; 12.10; Jz 2.13; 3.7; 10.6), de acordo com a praxe comum nos cultos de fertilidade: a associação entre si de deidades masculinas e femininas. Bíblia de Estudo NVI Vida.

tiraram a água e a derramaram. Com a água derramada no chão e uma completa abstenção de alimentos, era um jejum absoluto. Ana usou o mesmo termo “derramar” na sua oração, em 1.15. Um coração derramado é um coração humilhado e arrependido (Lm 2.19; Sl 22.14; 61.8). Bíblia Shedd.

pecamos contra o SENHOR. É a mais alta e a mais profunda expressão da alma (Lc 15.18; Is 6.5). Foi o maior dia de avivamento espiritual nacional até então. Bíblia Shedd.

subiram os príncipes dos filisteus. Eles [os filisteus] atacaram com tamanha rapidez que os israelitas, reunidos de várias partes do país com intenções pacíficas, se viram obrigados a enfrentar-lhes sem estar preparados para a guerra. A única saída seria por meio da oração. CBASD, vol. 2, p. 513.

12 Ebenézer. “Pedra do Socorro” erigida em honra a Deus pela vitória conseguida sobre os filisteus, justamente no mesmo lugar onde foram derrotados há 20 anos (4.1; 5.1). Bíblia Shedd.

13 a mão do SENHOR. …graças à renovação do relacionamento com Deus, os israelitas puderam tirar vantagem do ponto de vista pagão tradicional e consumar a mais completa vitória sobre os inimigos. Assim foi naquela época e assim é hoje. O ser humano chega a um ponto em que reconhece que sua vida é completamente insatisfatória. Encontra-se amarrado a seus ídolos, quaisquer que sejam. Percebe a inutilidade dos hábitos passados, dos motivos que abrigou e dos desejos que satisfez. É atraído à comunhão que vê outros desfrutarem com Deus, assim como Israel viu em Samuel durante 20 anos. Renuncia, então, à vida passada e confessa sua incapacidade para se transformar pelos próprios esforços. Então, se entrega ao Espírito Santo e, dentro de si mesmo, descobre autocontrole, aceitação da ajuda espiritual que Deus lhe dá, com toda sabedoria, para capacitá-lo a alcançar uma vida superior até então desconhecida. Os erros do passado se transformam, portanto, em degrausCBASD, vol. 2, p. 514

nunca mais vieram ao território de Israel. Os filisteus foram derrotados de modo convincente e não tentaram nenhum contra-ataque (compare 2Sm 2.28 com 3.1; também 2Rs 6.23 com 6.24), mas isso não exclui agressões filisteias subsequentes (9.16; 10.5; 13.3; 14.52). Bíblia de Genebra.

15 julgou Samuel todos os dias de sua vida a Israel. Indica que Samuel continuou a ser juiz, mesmo durante o reinado de Saul. Calcula-se que tenha atingido 89 anos. Bíblia Shedd.

17 Ramá. Samuel nasceu e foi criado nesta cidade antes de partir para Siló. Bíblia de Estudo Andrews.




%d blogueiros gostam disto: