Reavivados por Sua Palavra


Isaías 18 by Jobson Santos
14 de março de 2014, 0:30
Filed under: profecias | Tags: , ,
Comentário devocional:

Neste capítulo, Isaías não fala apenas acerca da Etiópia, mas também acerca das pessoas que vivem “além dos rios da Etiópia” (versículo 1, tradução do autor). Durante o tempo da escrita do livro de Isaías, fazia seis anos que a dinastia Etíope havia começado a reinar e seu país incluía a Somália, o Sudão, áreas da África ocidental, e provavelmente também povos do sul da Etiópia, perto da costa oriental da África.

Essas pessoas que moravam na costa da África enviavam emissários pelo mar, em navios de papiro, para outros lugares. Eles eram altos, de pele macia, poderosos, agressivos, e temidos (versículo 2). Isaías, neste capítulo, discorre sobre “os fiéis”, em oposição aos maus, mas a divisão não é em termos de cor racial ou nacionalidade.

A partir do verso 3, Isaías volta-se para o que está além do seu tempo, para as últimas fases da história da Terra, para o tempo da segunda vinda de Cristo. Ele declara: “Quando a bandeira for erguida sobre os montes, vocês a verão, e, quando soar a trombeta, vocês a ouvirão” (Isaías 18:3b-c). Sim, a trombeta soará, o mundo inteiro irá ouvi-la e Cristo voltará.

O Senhor disse ao profeta: “Do lugar onde moro [o santuário celestial] ficarei olhando, quieto” (v. 4b). Deus sabe que o mal está com seus dias contados.Durante a colheita, diante do “calor do sol escaldante” o frescor do dia desaparece. Quando a colheita do mal estiver madura, a escuta tranquila do Senhor no seu santuário acabará e ele “se levantará” (Daniel 12:1-2 ) e se tornará ativo. Ele cortará os brotos com foices e cortará fora os ramos longos (verso 5c-d). Miguel, que é Cristo, decide que “chegou a hora”. Na Segunda Vinda Sua recompensa estará com Ele e Seu povo subirá com segurança até a Sião celestial, mas aqueles que são maus “Serão todos entregues aos abutres das montanhas e aos animais selvagens” (v. 6a). Os ímpios serão mortos pelo brilho da vinda de Cristo (2 Tess. 2:8). [alterei de lugar] Isto não se refere apenas a Etiópia ou partes da África, mas a todo o mundo.

Isaías diz: “Naquela ocasião”, ou seja, na Segunda Vinda (versículo 7),  “dádivas serão trazidas ao Senhor dos Exércitos da parte de um povo alto e de pele macia” (v. 7a). Por que “Senhor dos exércitos”? Porque Ele vem com todo o seu exército angelical. As dádivas significam as lindas canções de “Ação de graças” que os remidos entoarão por sua salvação através de Cristo (versículo 7b-e). As músicas serão cantadas para Cristo, o Senhor dos exércitos celestiais, no monte Sião celestial, a Nova Jerusalém (v. 7f).

Querido Deus,

Por favor, ajude-nos a abandonar quaisquer preconceitos que possamos ter de pessoas de outras partes do mundo. Ajude-nos a trocar todos os medos que possamos ter dos outros pela compreensão de que eles estarão um dia no céu, trazendo presentes ao Cordeiro. Senhor, concede que possamos estar lá para testemunhar este evento maravilhoso com os salvos de todos os tempos. Amém.
Koot van Wyk
Coreia do Sul

https://reavivadosporsuapalavra.org/

Texto original: http://revivedbyhisword.org/en/bible/isa/18/

Traduzido por: JDS/JAQ

Texto bíblico: Isaías 18

 




%d blogueiros gostam disto: