Reavivados por Sua Palavra


II Crônicas 12 by jquimelli
30 de abril de 2013, 0:00
Filed under: confiança em Deus | Tags: , ,


Comentário devocional:

Após Roboão ter seguido a Deus por três anos, apenas dois anos depois “ele e todo o Israel abandonaram a lei do Senhor” (v.1 NVI) e perderam totalmente a proteção de Deus. Um enorme exército, de 1.200 carros, 60 mil cavaleiros, e um povo incontável de várias nações, liderado por Sisaque do Egito, marchou contra Judá e tomou todas as suas cidades fortificadas.

Quando eles estavam prestes a entrar em Jerusalém, Deus deixou claro através de Semaías, o profeta, por que isso havia acontecido. “Vocês me abandonaram, por isso estou colocando vocês nas mãos de Sisaque.” (v. 5 NKJV).

Rapidamente os líderes e o rei se humilharam. Deus, com Sua graça característica, abrandou-se e disse que eles não seriam destruídos. No entanto, Deus disse que eles iriam experimentar a diferença entre servir a Deus e servir a Sisaque.

Com isso, Sisaque marchou contra Jerusalém e despojou a casa do Senhor e a casa do rei de todos os tesouros de ouro que Salomão havia reunido. E os colocou sob tributo.

Você já se iludiu pensando que é difícil servir a Deus? Seu alto padrão de caráter é muitas vezes visto como um muro que limita a nossa liberdade, em vez de ser uma fortaleza que nos protege. No entanto, quando o inimigo nos invade torna-se muito claro que o pecado é realmente o mais cruel de todos os feitores. Ele concede a seus escravos apenas os salários da mágoa, do sofrimento, dos vício e da morte.

Foque, hoje, a sua mente nas alegrias da obediência,. Deste modo você não perderá a  sua liberdade em Cristo pela invasão de algum Sisaque estrangeiro em sua vida espiritual.


Pastor Scott Griswold

Recrutador de Missionários

Apoio a Projetos para o Sudeste da Ásia

Trad JAQ – Rev GASQ/JDS


– – – – –

Texto bíblicoII Crônicas 12

FonteBlog da Bíblia



II Crônicas 11 – comentários bíblicos by jquimelli
29 de abril de 2013, 6:49
Filed under: obediência, prosperidade

1-23 O cap. 11 ressalta as recompensas pela obediência ao mandamento de Deus (v. 1-4): Roboão desfruta de prosperidade e poder (v. 5-12), de apoio popular (v. 13-17) e de uma descendência (18-23). O cap. 12 mostra o inverso: A desobediência leva ao castigo (Bíblia de Estudo NVI Vida).

1 A insensatez de Roboão dividiu o seu reino e ele tentou reuni-lo novamente pela força.A verdadeira unida, entretanto, não pode ser forçada – ela deve ser a resposta de corações dispostos. Se você deseja a lealdade de empregados, crianças ou qualquer outro a seu encargo, ganhe seus respeitos através do amor ao invés de tentar ganhar suas submissões através da força (Life Application Study Bible Kingsway).

lutar contra Israel. O autor de Crônicas omite o relatório da escolha de Jeroboão como rei de Israel (Andrews Study Bible).

4 Eu é que fiz isso. É claro que não era vontade de Deus que o reino de Davi fosse dividido em duas monarquias. A vontade divina era que os israelitas andassem em Seus caminhos e caminhassem a crescer até que, por seus esforços missionários, tivessem proclamado Seu nome por toda a Terra. Mas, quando os israelitas andaram em seus róprios caminhos e abandonaram o Senhor, Sua mão protetora foi retirada e forças separatistas inevitavelmente entraram em ação (CBASD, vol. 3, p. 246,247).

Por que Deus apoiaria esta rebelião? Era parte da punição às nações por terem se desviado de Deus (1 Rs 11:11). Era também um modo de Deus salvar o pequeno reino de Roboão da derrota. Agindo assim, Deus preservou a linhagem de Davi e manteve intacto o Seu plano para o Messias ser um descendente de Davi (ver 2 Sm 7:16). Quando vemos divisão, especialmente em uma igreja que se divide, tentamos imaginar o que Deus poderia nos ter feito. Deus deseja unidade, mas enquanto devamos sempre trabalhar pela reconciliação, devemos reconhecer que somente Deus conhece o futuro. Ele pode permitir uma divisão para alcançar seus propósitos maiores (Life Application Study Bible Kingsway).

5-10 Essa lista de cidades não se acha em Reis. Roboão fortificou suas fronteiras do leste, do oeste e do sul, mas não do norte, talvez como demonstração da sua esperança da reunificação dos reinos, e como reação à ameaça da invasão da parte do Egito (Bíblia de Estudo NVI Vida).

10 Hebrom. A cidade mais importante na Judá central, aonde os patriarcas foram enterrados e onde Davi reinou por sete anos (Andrews Study Bible).

13-17 O cronista toma por certo que seus leitores estão familiarizados com 1Rs 12.26-33. Essa matéria é exclusividade de Crônicas e reflete o interesse do autor tanto pelo templo com seus funcionários, bem como por demonstrar que o reino de Judá era o remanescente de todo o Israel (Bíblia de Estudo NVI Vida).

15 Ídolos … em forma de bodes e bezerros. O relato em Reis menciona somente os bezerros de ouro (quanto à adoração aos ídolos de bodes ou de sátiros, v. Lv. 17.7) (Bíblia de Estudo NVI Vida).

Jeroboão constituiu seus próprios sacerdotes, para sua própria religião, importada do Egito, com adoração de sátiros, ídolos em forma de bode semi-humano, também chamados “demônios” (Lv 17.7) e “bodes” (Lv 4.24, 9.15). O rito que os acompanhava, assim como o rito egípcio dos bezerros, era degradante e imoral (Bíblia Shedd).

para os sátiros. As versões ACF, ARC e NTLH traduzem a palavra como “demônios”. deus considera a vil adoração aos ídolos como sendo adoração a demônios (ver Dt 32:17; Sl 106:37, 38; 1Co 10:20) (CBASD, vol. 3, p. 248).
foram a Jerusalém. Essas pessoas se mudaram para Judá. Seu propósito ao sair de Israel e ir para Judá era ter oportunidade de adorar em Jerusalém. A política de Jeroboão era impedir visitas a jerusalém para propósitos de adoração. No tempo de Asa houve novamente uma migração de adoradores fiéis de Yahweh para o reino do sul (2Cr 15.9) (CBASD, vol. 3, p. 248).

16Estas pessoas obedeceram a Deus ao invés de Jeroboão. Pelas suas ações, eles preservaram sua integridade e o fortalecimento do reino do sul. No futuro, a maioria do povo do norte seguiria os perversos desígnios dos reis, tentando conseguir benefícios pela cooperação. Não siga o seu exemplo racionalizando o abandono dos ensinos de Deus para tentar conseguir recompensas terrenas (Life Application Study Bible Kingsway).

18 Jerimote. Não consta entre os filhos legítimos de Davi (1 Cr 3.1-8; 14.4-7); deve ter sido o filho de uma concubina (Bíblia Shedd).

20 Maaca, filha de Absalão. Todas as descendentes em linha direta eram chamadas de “filha”, em heb. Essa deve ser filha de Tamar, a única de Absalão (2 Sm 14.27) (Bíblia Shedd).

21 Na concupiscência da carne, Roboão seguiu o pior exemplo de seu pai, entrando naquele caminho … que levara a nação à divisão e à desgraça (Dt 17.17) (Bíblia Shedd).

21,22 Esses versos explicam por que o filho mais velho não foi nomeado sucessor por Roboão (Bíblia de Estudo NVI Vida).
Parece que Jeús (19) era o primogênito e herdeiro legítimo do trono. O amor do rei por sua esposa Maaca levou-o a deixar sua indulgência aos favoritos violar a Lei de Moisés (Dt 21.15-17) (Bíblia Shedd).

23 procedeu prudentemente. Dispersando seus filhos por toda a Judá, onde sem dúvida ocuparam posições de responsabilidade e desenvolveram interesses locais além dos do trono, Roboão sabiamente promoveu os interesses do reino (CBASD, vol. 3, p. 248).



II Crônicas 11 by jquimelli
29 de abril de 2013, 0:00
Filed under: adoração, escolhas | Tags: , ,

Comentário devocional:

 O reinado do rei Roboão era rígido, mas ele estava disposto a ouvir a voz do profeta de Deus. Ele interrompeu seus planos de atacar Israel. E, então, imediatamente começou a fortificar diversas cidades para proteger seu reinado em Jerusalém e tomou sua posição ao lado de Davi e Salomão, reforçando o culto do verdadeiro Deus.

O mesmo não aconteceu em Israel. O rei Jeroboão recrutou todos os tipos de pessoas para serem sacerdotes quando ele estabeleceu ídolos em forma de bezerros e a adoração de demônios. Sacerdotes, levitas e outros se recusaram a ter qualquer parte nisso e nos três anos seguintes se retiraram de Israel, indo para Judá. Esta importante migração da liderança moral fortaleceu muito Judá e teve significativo impacto na destruição posterior de Israel.

Hoje, o mesmo inimigo está ativo, procurando enfraquecer o povo de Deus. Ele trabalha através de várias formas de idolatria, para desviar o tempo e a atenção das pessoas para longe de seu Deus amoroso.

Que atrações estão em ação em sua vida? O que está roubando o tempo que deveria ser devotado a Deus? O que está enfraquecendo o seu amor por Ele? 

Por outro lado, você pode mudar-se para um lugar mais seguro espiritualmente, o que pode significar simplesmente ficar longe do seu computador ou telefone por um período de tempo ou um dia, a fim de buscar a Deus.

Ou pode ir além, mudando-se com sua família para um novo local, onde você terá mais tempo para Deus ou encontrará oportunidades para o ministério.

Dê um passo corajoso a favor de Deus hoje. 

Fortaleça-se. Fortaleça sua família. Fortaleça o reino de Deus. 

 

Pastor Scott Griswold

Recrutador de Missionários

Apoio a Projetos para o Sudeste da Ásia

Trad JAQ – Rev GASQ/JDS

 

– – – – –

Texto bíblicoII Crônicas 11

FonteBlog da Bíblia



II Crônicas 10 – Comentários bíblicos by jquimelli
28 de abril de 2013, 15:32
Filed under: Sem categoria

Comentário bíblicos selecionados:

10.1 – 36.23 O material que abrange a monarquia dividida é consideravelmente mais breve em Crônicas que em Reis: 27 capítulos em consideração com 36 (1Rs 12 – 2Rs 25). Além disso, cerca de metade deste material é exclusividade de Crônicas e não revela sinal de depender de Reis. A razão mais óbvia é que o cronista escreveu uma história da dinastia davídica em Judá; a história do Reino do Norte é deixada em silêncio, a não ser quando afeta o de Judá (Bíblia de Estudo NVI Vida).

1 A coroação de um rei israelita normalmente ocorreria em Jerusalém, a capital. Mas Roboão sentiu que ali haveria a possibilidade de dificuldades com o norte; então, para manter seu domínio sobre o país ele escolheu Siquém, uma cidade a aproximadamente 60 km ao norte de Jerusalém. Siquém foi um antigo lugar para estabelecer alianças (Jos 24:1) (Life Application Study Bible NIV Kingsway).

1-15 Seguir maus conselhos pode levar a desastres. Roboão perdeu a oportunidade de governar um reúno unido e em paz porque rejeitou os conselhos dos velhos conselheiros de Salomão, preferindo o conselho de seus pares. Roboão cometeu dois erros ao buscar conselho: 1) Ele não deu consideração a aqueles que conheciam a situação melhor do que ele e 2) não buscou a Deus por sabedoria para discernir qual era a melhor opção. É fácil seguir o conselho de seus pares porque eles geralmente sentem o mesmo que sentimos. Mas sua visão pode ser limitada. É muito importante ouvir cuidadosamente aqueles que tem mais experiência do que nós – eles podem ver o quadro completo [tem visão mais
abrangente] (Life Application Study Bible NIV Kingsway).

2,3 Porque Jeroboão estava no Egito? O profeta Aías havia predito que Israel se dividiria em dois e que Jeroboão se tornaria rei da parte norte. Quando Salomão tomou conhecimento desta profecia, ele tentou matar Jeroboão, que foi forçado a fugir para o Egito (1Rs 11:26-40) (Life Application Study Bible NIV Kingsway).

4 jugo. Um instrumento de serviço. Apesar do reino de Salomão aparentar ser próspero, as condições sociais reais em Israel estavam abaixo do desejado (Andrews Study Bible NKJV).

A dura servidão. O povo tinha justa razão para reclamar, pois o extenso programa de obras públicas havia produzido pesada carga tributária e um desagradável recrutamento para trabalhos forçados (1Rs 5.13,14). O pedidoera totalmente justo, e tanto a justiça quanto a prudência exigiam que o novo rei desse a devida consideração ao assunto que então era trazido a ele (CBASD, vol. 3, p. 244).

11. escorpiões. Esse é o nome dado a um tipo de açoite com muitas correias, nas quais eram atados pedaços de metal, para produzirem dores semelhantes às picadas de escorpiões (Bíblia Shedd).

Dessa maneira, Roboão estava dizendo ao povo que os trataria com maior severidade que seu pai (CBASD, vol. 3, p. 244).

13 dura resposta. O rei não mostrou nenhuma consideração pelos sentimentos de seus súditos e não revelou nada do espírito de Cristo, mas falou como um endurecido déspota. O propósito, é claro, era fazer uma ostentação de força; mas na verdade, ele estava apenas dando uma lamentável demonstração de fraqueza e insensatez (CBASD, vol. 3, p. 244).

16-19 Ao tentar ficar com tudo, Roboão quase perdeu tudo. Motivado por ambição e poder, ele pressionou demais e dividiu seu reino. Ele não precisava de mais dinheiro ou poder porque ele herdara o mais rico reino do mundo. Ele não precisava de mais controle porque ele era o rei. Suas exigências eram baseadas em egoísmo em vez da razão e discernimento espiritual. Aqueles que querem ter tudo geralmente acabam com pouco ou nada (Life Application Study Bible NIV Kingsway).

16 Que parte temos nós com Davi? Esse grito de revolta já se levantara na época do rei Davi, durante a rebelião de Seba (2 Sm 20.1) (Bíblia Shedd).

no filho de Jessé. Havia apenas poucos anos, Davi fora um herói nacional. Então, por causa da insensatez de seus descendentes, seu nome passou a ser detestado em Israel, e as tribos do norte decidiram seguir seu próprio caminho, independendo-se do sul (CBASD, vol. 3, p. 245).



II Crônicas 10 by jquimelli
28 de abril de 2013, 0:00
Filed under: liderança | Tags: ,

Comentário devocional:

Após a morte de Salomão, o reino passou para seu filho Roboão. O rei Roboão tinha três grandes “livros textos” sobre liderança dos quais poderia aprender: as incríveis vidas de Saul, Davi e Salomão. Ele, aparentemente, não gastou muito tempo aprendendo com os erros e acertos de seus antecessores. Em vez disso, ouviu os jovens de sua idade. Ele declarou que iria aumentar os impostos e reinar através de chicotes com flagelos. Ele iria governar em vez de servir.

 Imediatamente o reino de Israel se separou dele, do modo como Deus havia profetizado. Somente Judá e Benjamin ficaram.

 O Rei Jesus chamou a você e a mim para que exercêssemos o Seu estilo especial de liderança. “Quem quiser tornar-se importante entre vocês deverá ser servo” (Mc 10:43 NVI). “O próprio Filho do Homem não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate por muitos” (v. 45).

 Como pai, você simplesmente exige obediência ou você direciona os seus filhos com amor e gentileza? Como líder de igreja, você busca verdadeiramente fazer o melhor para cada membro? E em seu local de trabalho? A disposição de servir e incentivar o crescimento dos demais é maior do que o desejo de lucro e sucesso? Qualquer direcionamento diferente irá desqualificá-lo para o reino de Deus. Ter Jesus no coração construirá a sua cidadania celeste.

Decida, hoje, servir como Jesus.

Pastor Scott Griswold 

Recrutador de Missionários

Apoio a Projetos para o Sudeste da Ásia

Trad JAQ – Rev GASQ/JDS

 

– – – – – 

Texto bíblicoII Crônicas 10

Fonte: Blog da Bíblia



II Crônicas 9 – Comentários bíblicos by jquimelli
27 de abril de 2013, 14:20
Filed under: Sem categoria

Sabá. Terra dos sabeus, no sudoeste da Arábia, que fazia parte do atual Iêmen (Bíblia Shedd).

ficou como fora de si. Lit, “não tinha mais fôlego”. A palavra ruah (fôlego, sôpro, ou espírito) tem o sentido de “poder em movimento”. Então, no sentido psicológico, que dizer o impulso dominante da personalidade, aquela energia e determinação que toma as decisões e as põe em ação (Bíblia Shedd).

5-8 A visita que a rainha fizera ao rei da Casa de Davi é semelhante ao encontro do crente com Jesus Cristo, que “é maior do que Salomão”. Foi ver sua sabedoria, sua bondade, sua generosidade e a alegria de todos os que o servem, que permanecem sempre na sua presença (cf Mt 12.42; Lc 11.31). Verifica que nele há mais glória do que a língua possa dizer (9.1-9) (Bíblia Shedd).

A rainha de Sabá tinha ouvido sobre a sabedoria Salomão mas ela se sentiu verdadeiramente tocada quando viu por si mesma os frutos daquela sabedoria. Apesar de Salomão ter se casado com a filha de Faraó ele ainda tentava sinceramente seguir a Deus neste estágio de sua vida. Quando as pessoas conhecem você e lhe fazem perguntas difíceis, suas respostas refletem Deus? Sua vida pode ser uma poderosa testemunha, deixe outros verem Deus trabalhar em você (Life Application Study Bible NIV Kingsway).

teus servos. Quando os senhores são, eles próprios, servos do Senhor do Céu, os que estão a seu serviço são felizes. Nessa época Salomão ainda não havia abandonado ao Senhor e era devotado a servi-Lo. Amava a Deus e e era compassivo com as pessoas. Com a paz de Deus em seu coração, Salomão era gentil, paciente e atencioso. As pessoas próximas sentiam a fascinação de sua influência. A grande necessidade de nosso tempo é de líderes que reflitam o espírito do Céu, para que aqueles sob sua influência encontrem verdadeira alegria e duradoura felicidade (CBASD, vol. 3, p. 241).

bendito seja o Senhor teu Deus. A bênção da rainha lembra a bênção divina proferida por Hirão em 2.11. Hirão era o rei de um país do norte, enquanto que a rainha vinha do sul. As duas bênçãos simbolizavam reconhecimento universal à grandeza de Salomão  (Andrews Study Bible).

no trono dEle. O discurso da rainha passa a ser o meio de expressar a convicção do cronista de que o trono de Israel é o trono de Deus, em nome de quem o rei governava (Bíblia de Estudo NVI Vida).

A rainha de Sabá maravilhou-se com Salomão e exclamou que Deus realmente amava Seu povo grandemente para lhe dar tal rei. Israel prosperou grandemente durante o reinado de Salomão, testemunhando do poder e do amor de Deus por Seu povo. Porém, às vezes, tempos difíceis vem para crentes, também, e nossa perseverança e firme esperança durante estes tempos demonstrarão nosso amor e fidelidade a Deus. O modo como vivemos ajudará outros a ver nosso amor por Deus (Life Application Study Bible NIV Kingsway).
 
12 Ao que ela lhe trouxera. O sábio rei deu à rainha presentes em troca dos que ela lhe entregou. O ato de dar não foi unilateral. Salomão foi tão generoso quanto sua visitante e lhe deu presentes, talvez de valor igual aos que ela lhe dera ou até maiores (CBASD, vol. 3, p. 241).

15 paveses. Grandes escudos retangulares para proteger o corpo inteiro (Bíblia Shedd).

21 navios que iam a Társis. (NVI: navios mercantes.) Não quer dizer que viajavam para Társis, mas que eram capazes de enfrentar viagens longas e difíceis, como o era a viagem para Társis … Subentende-se, os dois reis estavam comerciando com a Índia, passando pelo mar Vermelho e visitando a costa africana (1 Rs 9.28) (Bíblia Shedd).

27 Sicômoros. São da família do sicômoro que produz figos bravos, os quais Amós comia (Am 7.14). A madeira era levíssima e porosa. Era comum em Israel naquela época; proporcionava boa sombra (cf Lc 19.4 [história de Zaqueu]) (Bíblia Shedd).

29 Decílio espiritual de Salomão. 1) Sua ambição levou-o a desrespeitar a lei de Deus contra a multiplicação de cavalos (v. 25); 2) O negócio de cavalos com os egípcios deu ensejo ao casamento de Salomão com uma princesa do Egito (8.11); 3) Esse casamento abriu caminho ao costume oriental de formar um harém com mulheres de todas as nações (1 Rs 11.1-8); 4) Aquelas mulheres induziram o rei a adorar os seus ídolos (1 Rs 11.4-5); 5) Essa idolatria levou o rei e uma parte do povo à apostasia, até ao ponto de construir templos pagãos (1 Rs 11.7-8). Aqui se consuma a degenerescência espiritual de Salomão (Bíblia Shedd).

 



II Crônicas 9 by jquimelli
27 de abril de 2013, 0:00
Filed under: humildade | Tags: , ,

Comentário devocional:

A rainha de Sabá ficou fortemente impressionada por sua visita ao rei Salomão. Em especial pela sabedoria dele e a maravilhosa visão da casa do Senhor. O que Salomão compartilhou com ela a motivou a dizer: “Bendito seja o Senhor teu Deus!” (v.8). A honra foi transferida de Salomão a Deus.

O que teria acontecido se Salomão tivesse permanecido humilde? Quantas nações poderiam ter vindo a conhecer a Deus se isto tivesse acontecido? Em vez disso, ele agiu de forma contrária à clara exigência de Deus aos reis para que não multiplicassem para si muito ouro ou cavalos (v. 13-22, 25; Deut. 17:16,17).

666 talentos de ouro entravam para o tesouro de Salomão a cada ano. Este número pode não ter nada a ver com o simbólico número 666 de Apocalipse 13. Mas o amor de Salomão pelo ouro e a glória que este lhe dava lembra muito a besta do Apocalipse que fala grandes coisas e gosta de receber grande honra.

O deslize gradual de Salomão para longe de Deus traz um aviso para todos nós: você não pode amar ao mesmo tempo a Deus e ao dinheiro. 

Conforme avançamos para o final do conflito entre o bem e o mal, chegará um momento em que não poderemos comprar ou vender (Apoc. 13:17), se quisermos adorar a Deus como Ele ordenou em Seus Mandamentos (Apoc. 12:17).

Somos constantemente bombardeados por propagandas que criam em nós um desejo por algo que ainda não temos. Nós freqüentemente gastamos dinheiro com coisas que não precisamos enquanto nossos irmãos e irmãs ao redor do mundo morrem por falta de comida e de acesso à educação e cuidados médicos. O que você fará hoje para abençoar a outros e não apenas a si mesmo?

 

Pastor Scott Griswold

Recrutador de Missionários

Apoio a Projetos para o Sudeste da Ásia

Trad JAQ/GASQ/JDS

– – – – –

Texto bíblicoII Crônicas 9
FonteBlog da Bíblia




%d blogueiros gostam disto: