Reavivados por Sua Palavra


JEREMIAS 52 by Jobson Santos
17 de dezembro de 2020, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://pesquisa.biblia.com.br/pt-BR/NVI/jr/52

O final do capítulo 51 diz: “Aqui terminam as palavras de Jeremias” (Jeremias 51:64). Então, quem escreveu o capítulo 52? Jeremias começou seu ministério profético por volta de 625 AC. Ele provavelmente não estava vivo na época em que o rei Nabucodonosor morreu e Evil-Merodaque se tornou o rei da Babilônia em 562 a. C. Além disso, o capítulo 52 é quase idêntico à última parte de 2 Reis (24:18-25:30). Portanto, esta parte pode ter sido adicionada por algum escriba que considerou ser necessário colocá-la no final do livro de Jeremias como uma nota de confirmação adicional da queda de Jerusalém.

Este capítulo descreve o reinado de Zedequias, a derrota de Judá pelos Caldeus e o fim desastroso da família real e dos oficiais de Judá. A razão pela qual Deus lançou Jerusalém e Judá para longe dos Seus olhos foi por causa das más ações de Zedequias e Jeoiaquim diante do Senhor.

Como é triste ler sobre a destruição de Jerusalém, o incêndio e a pilhagem do Templo de Deus. O povo de Judá poderia ter prosperado se tivesse obedecido a Deus.

Oração: Senhor, eu Te louvo porque és justo e bondoso. Ajuda-me a ser fiel a Ti a fim de que as bênçãos que desejas para mim possam se realizar de modo completo. Amém.

Yoshitaka Kobayashi
Japão

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/?id=992
Tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli/Luis Uehara


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: