Reavivados por Sua Palavra


JEREMIAS 48 by Jobson Santos
13 de dezembro de 2020, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://pesquisa.biblia.com.br/pt-BR/NVI/jr/48

Este capítulo é uma profecia contra os moabitas, que eram descendentes de Ló (Gênesis 19:37). Pedro chama a Ló de “homem justo” (2 Pedro 2:7). Os moabitas viveram primeiro no sudeste da Transjordânia e ocuparam a cidade de Ar, que ficava no lado leste do Mar Morto (Deuteronômio 2:9).

Quando os israelitas quiseram ir para a terra de Canaã, os moabitas não permitiram que eles passassem por suas terras. No entanto, Deus não permitiu que os israelitas lutassem contra os moabitas porque eles eram seus parentes e seu ancestral Ló era um devoto adorador de Deus.

A mensagem de destruição de Deus para Moabe era condicional. Ele enviou esta mensagem aos moabitas através de Jeremias para que eles se arrependessem e retornassem para o Senhor. Se os moabitas tivessem se arrependido, Deus os teria libertado da prisão espiritual da adoração de ídolos e os teria restaurado (Jeremias 48:47).

Muito antes dessa profecia de Jeremias, Rute, a mulher moabita, creu em Deus por meio da influência da vida piedosa de Noemi. Que possamos ser como Noemi e, por meio de nossa vida piedosa, influenciar nossos vizinhos a crerem em Deus e serem leais a Ele, como foi a sua nora Rute, que está listada na genealogia de Jesus (Mateus 1:1,5).

Yoshitaka Kobayashi
Japão

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/?id=997
Tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli/Luis Uehara


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: