Reavivados por Sua Palavra


Deuteronômio 12 – Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
27 de junho de 2022, 0:45
Filed under: Sem categoria

“Lá, comerás perante o Senhor, vosso Deus, e vos alegrareis em tudo o que fizerdes, vós e as vossas casas, no que vos tiver abençoado o Senhor, vosso Deus” (v.7).

As nações que habitavam em Canaã preservavam o seu sistema de culto pagão “sobre as altas montanhas, sobre os outeiros e debaixo de toda árvore frondosa” (v.2). Através de altares, colunas, postes-ídolos e imagens de escultura, invocavam e adoravam os seus deuses através de rituais abomináveis, inclusive, queimando seus próprios filhos e filhas como sacrifícios a seus deuses (v.31). A destruição completa desses lugares de culto simbolizava a purificação de Canaã para receber o verdadeiro e único lugar do culto verdadeiro.

A fim de entrar em Canaã, o procedimento dos filhos de Israel precisava ser mudado, pois faziam “cada qual tudo o que bem [parecesse] aos seus olhos” (v.8). Como Israel, muitos almejam entrar no descanso do Senhor “cada qual” com suas opiniões formadas, com suas concepções irredutíveis e seus corações intransponíveis. Não entregam verdadeiramente o coração à boa obra do Espírito Santo e prosseguem em viver um forjado “assim diz o Senhor”, moldado segundo a inclinação da própria carne.

Será que não estamos incorrendo neste grave erro? A Palavra de Deus deve ser recebida como a voz de Deus diretamente ao nosso coração, e não como uma seta que apontamos em direção àqueles que julgamos estar errados. Quando o profeta Elias subiu ao monte Carmelo, era apenas um o seu objetivo: revelar a todos que só o Senhor é Deus. Ele não apontou o dedo para os seus irmãos, mas ergueu as mãos aos céus. Ali, ele ofereceu o agradável sacrifício e obteve do Senhor a resposta através do fogo.

Assim como Deus orientou em tudo a Israel, Ele nos deixou todas as orientações necessárias através dos escritos do Espírito de Profecia para que vivamos na Terra, nesses últimos dias, como aqueles que “manifestam estar procurando uma pátria”, os que, “agora, aspiram a uma pátria superior, isto é, celestial” (Hb.11:14 e 16); para que não incorramos na idolatria e nas práticas que corrompem o lugar que Ele elegeu como a habitação do Seu Espírito: “Acaso, não sabeis que o vosso corpo é santuário do Espírito Santo, que está em vós, o qual tendes da parte de Deus, e que não sois de vós mesmos?” (1Co.6:19).

Há um lugar de descanso e de banquete preparado para os que “lavaram suas vestiduras e as alvejaram no sangue do Cordeiro” (Ap.7:14). Perseveremos em buscar ao Senhor de todo o nosso coração, edificando a nossa vida sobre a Rocha que é Cristo, e, de modo algum, erraremos o caminho, como está escrito: “E ali haverá bom caminho, caminho que se chamará o Caminho Santo; o imundo não passará por ele, pois será somente para o Seu povo; quem quer que por ele caminhe não errará, nem mesmo o louco” (Is.35:8). Vigiemos e oremos!

Bom dia, santuários do Espírito Santo!

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus #Deuteronômio12 #RPSP

Comentário em áudio: youtube.com/user/nanayuri100


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: