Reavivados por Sua Palavra


Atos 23 by jquimelli
21 de fevereiro de 2015, 1:00
Filed under: consequências, escolhas, perdão | Tags: , , ,

Comentário devocional:

Poderíamos dizer que o apóstolo Paulo cometeu três grandes erros diante do Sinédrio, erros dos quais ele mais tarde se arrependeu. O primeiro foi se dirigir a este importante conselho utilizando o termo “irmãos”, em vez da saudação habitual, “autoridades do povo e anciãos de Israel.” Ao chamá-los de “irmãos”, Paulo colocou-se em pé de igualdade com esses líderes. Poderíamos desculpar esta abordagem por conta do anseio de Paulo de se relacionar com eles, uma vez que ele tinha sido membro deste mesmo corpo, antes de sua conversão. Evidentemente, essa saudação não funcionou como esperado. E ele foi atingido na boca por seu discurso desrespeitoso.

O segundo erro foi quando Paulo se defendeu vigorosamente perante o Sinédrio, acusando o sumo sacerdote de ser um sepulcro caiado de branco! A implicação era clara: o sumo sacerdote parecia limpo do lado de fora, mas estava cheio de impureza no interior. Essa não era a melhor maneira de Paulo obter apoio. Em seguida, ele pediu desculpas por falar assim acerca do sumo sacerdote, mas naquele momento Paulo provavelmente descobriu que tinha perdido a boa vontade do grupo.

Por fim, o apóstolo, conhecendo plenamente as amargas divisões teológicas entre os fariseus e os saduceus que compunham o Sinédrio, fez uma declaração a fim de ganhar alguns simpatizantes. Este pode ter sido o seu terceiro erro. Ele declarou-se um fariseu e um crente da ressurreição. Os saduceus não acreditavam no céu ou na ressurreição, no que os fariseus acreditavam com muito fervor. Instantaneamente, metade da multidão tomou seu lado, enquanto a outra metade tentou silenciá-lo.

Essa foi uma jogada inteligente, mas não seguiu o que Jesus fez sob as mesmas circunstâncias. Quando Jesus enfrentou Seu próprio julgamento perante o Sinédrio anos antes, Ellen White afirma que entre os fariseus e os saduceus existia amarga animosidade e controvérsia entre eles. “Com poucas palavras poderia Cristo haver despertado os preconceitos de uns contra os outros, e teria assim desviado de Si a ira deles” (O Desejado de Todas as Nações, p. 705). Em vez disso, o Salvador do mundo se manteve em silêncio e não se aproveitou da situação para salvar a si mesmo.

Ao meditar nessa história, eu concluí que este é um bom exemplo de que Jesus deve ser o nosso único modelo. Nem mesmo o grande apóstolo Paulo pode tomar Seu lugar. É em Jesus que devemos procurar orientação a cada passo da nossa caminhada cristã, e não em nossos irmãos, por mais que eles sejam muito fiéis a Deus.

Jesus perdoou os erros cometidos por Paulo naquele dia. Naquela mesma noite, Ele assegurou a Paulo que ele iria a Roma, apesar de tudo. Oh, que maravilhosa graça, a do nosso Senhor!

Ron E. M. Clouzet
Diretor de Evangelismo do Instituto NAD
Professor de Ministério e Teologia do Seminário da Universidade Andrews
Texto original: http://revivedbyhisword.org/en/bible/act/23/ 
Traduzido por JAQ/GASQ/JDS
Texto bíblico: Atos 23  
Comentário em áudio  



Atos 23 – Comentários de Bíblias de Estudo by jquimelli
21 de fevereiro de 2015, 0:30
Filed under: Sem categoria

1 tenho andado diante de Deus com toda a boa consciência. Paulo mostra no seu discurso que o cristianismo procede diretamente do judaísmo verdadeiro. Pois a fé cristã é cumprimento da esperança messiânica esposada pelo farisaísmo. Bíblia Shedd.

2,3 Ananias. Sumo sacerdote desde 47 d.C., tornou-se notório pela capacidade e crueldade. Cumpriu-se a denúncia profética de Paulo ao ser assassinado em 66 d.C. pelos sicários por dar seu apoio a Roma. Bíblia Shedd.

Josefo, um respeitado historiador do primeiro século, descreveu Ananias como profano, ganancioso e violento. A reação de Paulo veio em resultado da ordem ilegal dada por Ananias. Life Application Study Bible.

Contra a lei. De acordo com a lei judaica, Paulo tinha de ser julgado e pronunciado culpado antes de ser punido. Bíblia de Estudo NVI Vida.

3 parede branqueada! Com aparência externa atraente, mas cheia de conteúdo impuro, como os sepulcros, que contém cadáveres (v. Mt 23.27); ou paredes que parecem ser firmes, mas caem com os ventos (v Ez 13.10-12). É metáfora da hipocrisia. Bíblia de Estudo NVI Vida.

6 saduceus … fariseus. Estes dois grupos emergiram durante o período entre o Antigo e o Novo Testamento. Eles tinham opiniões políticas e religiosas diferentes. Paulo aproveitou a oportunidade para enfatizar suas diferenças, identificando-se como um fariseu e um crente na ressurreição dos mortos, contra os saduceus que negavam a ressurreição e a existência de anjos e espíritos (Mt 22.23-32). Bíblia de Estudo NVI Vida.

Paulo aliou-se com os fariseus, cujas doutrinas ofereciam porta aberta para a evangelização em contraste com a dos saduceus. Bíblia Shedd.

14, 15 Quando a controvérsia entre fariseus e saduceus se amainou, os líderes religiosos focaram novamente sua atenção em Paulo. Para estes líderes, política e posição haviam se tornado mais importantes do que Deus. Eles estavam prontos a planejar outro assassinato, exatamente como haviam feito com Jesus. Mas, como sempre, Deus estava no controle. Life Application Study Bible.

16 avisou a Paulo. Esta é a única referência bíblica à família de Paulo. Alguns estudiosos acreditam que a família de Paulo o haviam renegado quando ele se tornou um cristão. Paulo escreveu ter sofrido a perda de tudo por Cristo (Fp 3:8). O sobrinho de Paulo podia ver Paulo, mesmo estando ele sob custódia de proteção, porque ao prisioneiros romanos podiam ser visitados por seus parentes e amigos, que lhes traziam comida e outras amenidades. Life Application Study Bible.

23, 24 O comendante romano ordenou que Paulo fosse enviado a Cesaréia. Jerusalém era a sede do governo judaico, mas Cesaréia era a sede do governo romano para aquela área. Deus trabalha de modos surpreendentes e até divertidos. Havia muitos modos que Deus poderia ter utilizado para enviar Paulo a Cesaréia, mas ele escolheu usar o exército romano para libertar Paulo de seus inimigos. Os métodos [ways] de Deus não são os nossos métodos. Os nossos são limitados; os Seus não. Não tente limitar Deus ao pedir que Ele responda do seu jeito. Quando Deus intervém, qualquer coisa pode acontecer, muito mais e melhor do que você poderia antecipar. Life Application Study Bible.

23 soldados … cavalaria … lanceiros. As três distintas classes de forças que compunham o exército romano. As extraordinárias precauções tomadas pelo tribuno revelam a seriedade com que se encarava a segurança de um preso. Bíblia Shedd.

Cesaréia. A cidade alojava a residência do governador ou procurador e os quartéis da guarnição romana na Palestina. Foi construída por Herodes o Grande na costa do Mediterrâneo e nomeada em homenagem a César Augusto. Herodes equipou a cidade muito bem com palácios, templos, edifícios públicos, um amplo anfiteatro, um porto artificial e um aqueduto. Cesaréia era a casa de Cornélio (10:1-11:18) e de Filipe, o evangelista (8:40; 21:8) e era frequentada por Paulo (9:30; 18:22; 21:8-14).  As cenas de 23:23 – 25:32 ocorreram em Cesaréia. Andrews Study Bible.

24 governador Félix. Primeiro escravo liberto a chegar a ser governador de uma província romana. Seu irmão Pallas foi emancipado por Cláudio sendo favorito de Agripina, mãe de Nero. Foi nomeado procurador de 52 a 59 d.C. (antes fora prefeito de Samaria). Bíblia Shedd.

O historiador Tácito disse que Félix “era cruel e dado à luxúria e unira o poder de um rei com a mente de um escravo”. Ele era impiedoso ao esmagar a oposição e seu governo ajudou a alimentar a revolta judaica que começou em 66 d.C. Andrews Study Bible.

25 Carta. Mandar um acusado para um tribunal superior exigia um “elogium” que esclarecia o caso. Bíblia Shedd.

26 Como Lucas teve conhecimento do que estava escrito na carta de Cláudio Lísias? Na sua preocupação por exatidão histórica, Lucas usou muitas fontes para garantir que seus escritos eram corretos (ver Lc 1:1-4). Esta carta foi provavelmente lida em voz alta na corte quando Paulo se apresentou diante de Félix para responder às acusações dos judeus. Adicionalmente, por ser Paulo um cidadão romano, uma cópia poderia ter sido dada a ele como cortesia. Life Application Study Bible.

27 Cláudio Lísias coloca a culpa da situação de Paulo sobre os judeus (cf Gálio em 18.14, 15). Ele não se importa de modificar levemente os fatos para se por em favor com o governador. Ele não soube que Paulo era romano até depois do tumulto (21.38; 22.26). Bíblia Shedd.

34-35 A reação de Félix à carta (cc 26-30) nos lembra a de Pilatos ao tentar transferir o caso de Jesus para Herodes Antipas (Lc 23:5-12). Desde que a Cilícia estava dentro da jurisdição de Félix, ele deveria lidar com o caso de Paulo. Andrews Study Bible. 

 



Atos 23 – Comentários selecionados by jquimelli
21 de fevereiro de 2015, 0:00
Filed under: consequências, erros, escolhas, testemunho | Tags: , , ,

1 Fitando Paulo os olhos. Do gr. atenizõ, “fixar os olhos em”, “olhar atentamente”, “encarar fixamente”. É usado de maneira apropriada para caracterizar a expressão de Paulo ao olhar atentamente para a mais importante assembleia judaica pela primeira vez em 25 anos. Sem dúvida, houvera muitas mudanças de membros ao longo dos anos, mas o apóstolo pode ter reconhecido alguns rostosComentário Bíblico Adventista do Sétimo Dia, vol. 6, p. 443.

2 Que lhe batessem. A declaração de Paulo equivalia a acusar o Sinédrio de hipocrisia. Se a conduta de Paulo fora escrupulosa, então a deles não fora. CBASD, vol. 6, p. 444.

3 Deus há de ferir-te […]! Alguns acham que Paulo falou sem pensar e que o verso 5 teria a intenção de funcionar como um pedido de desculpas. Contudo, é possível que o apóstolo tenha falado por inspiração e, sem saber que estava se dirigindo ao sumo sacerdote predisse seu destino. Ananias foi assassinado em 66 d . C , sete ou oito anos depois, provavelmente por sicários CBASD, vol. 6, p. 444.

Parede branqueada! Isto é, tu, hipócrita (Mt 23:27). Assim como uma parede caiada, este alto oficial de justiça poderia até se aproveitar da pompa de sua posição, mas não era a pessoa justa e criteriosa que, como líder, deveria ser.  CBASD, vol. 6, p. 444.

Contra a lei. O espancamento era permitido pela lei judaica, mas somente após um processo judicial correto que resultasse na condenação do réu. Por ser um ex-membro do Sinédrio, Paulo conhecia a lei e os procedimentos judiciais adequados, garantindo, portanto, seu direito a um processo legal adequado CBASD, vol. 6, p. 444.

Não falarás mal. Paulo cita Êxodo 22:28, passagem na qual o heb. elohim, “deuses’, é usado para se referir a juízes humanosA sinceridade de Paulo no momento é inquestionável. Os arautos do evangelho devem reconhecer e prestar o respeito devido ás autoridades, mesmo quando tais líderes abusam dela. CBASD, vol. 6, p. 445.

9 Vozearia. Do gr. kraugê, “grito”, “clamor”. Os membros impassíveis e instruídos do Sinédrio demonstraram ser tão incitáveis e irracionais quanto a multidão iletrada e instávelCBASD, vol. 6, p. 445.

Espírito ou anjo. O testemunho de Paulo não fora em vão. A atitude dos fariseus nesta ocasião lembra a de Gamaliel numa ocasião anterior (At 5:33-40). CBASD, vol. 6, p. 445.

10 Espedaçado. Fica claro que teve início uma luta física entre saduceus e fariseus, um grupo tentando agarrar Paulo, e outro, protegê-lo. CBASD, vol. 6, p. 446.

11 O Senhor, pondo-Se ao lado dele. Este Ser deveria ser o próprio Cristo (At 9:5). As perspectivas pareciam sombrias e, sem dúvida, Paulo se lembrava da aquiescência servil de Pilatos aos desejos dos judeus no caso de Cristo. O conforto divino nessas circunstâncias significaria muito para o apóstolo e lhe daria coragem para enfrentar as provas dos anos seguintes. CBASD, vol. 6, p. 446.

12 Sob anátema, juraram. Do gr. anatheniatizõ, “declarar maldito”, “jurar sob maldição [caso o juramento não seja cumprido]”. Esses homens haviam rogado sobre si as mais severas penalidades divinas caso falhassem em cumprir seu objetivoCBASD, vol. 6, p. 446.

16 O filho da irmã de Paulo. Esta é a única referência a parentes de Paulo em Jerusalém. Ele tinha familiares em Roma (Rm 16:7, 11) e parece que em Corinto também (Rm 16:21). Sugere-se que o sobrinho de Paulo estava estudando em Jerusalém, assim como ele próprio fizera no passado. Não há evidências de que a irmã e o sobrinho do apóstolo fossem cristãos. CBASD, vol. 6, p. 447.

21 Esperando a tua promessa. Isto é, guardando o consentimento de Lísias para levar Paulo ao lugar onde os judeus alegavam que o investigariam. CBASD, vol. 6, p. 448.

24 Ir com segurança. A segurança de um prisioneiro que afirmava ser cidadão romano, a vida de centuriões e soldados, além da habilidade da força romana para manter a ordem, tudo isso estava em jogo na transferência de Paulo de Jerusalém para Cesareia. CBASD, vol. 6, p. 449.

27 Estava prestes a ser morto. A carta omite os detalhes da controvérsia religiosa que levaram ao ataque a Paulo, talvez por causa da ignorância de Lísias em relação a tais questões, e ele sabia que isso poderia ser relatado na presença de Félix.  CBASD, vol. 6, p. 449.

32 No dia seguinte. Antipátride ficava a cerca de 60 km de Jerusalém. Saindo no início da noite e viajando com soldados que estavam à pé, Paulo e seus acompanhantes chegariam à cidade em algum momento do dia seguinte. CBASD, vol. 6, p. 450.

35 Ouvir-te-ei. Literalmente, “eu te ouvirei por completo”, isto é, darei a ti uma audiência completa. Félix aceitou a jurisdição do caso. Os acusadores só chegaram a Cesareia após cinco dias (At 24:1). CBASD, vol. 6, p. 450.

Nota: Atente, em especial, para o verso 11. É tão lindo saber que o próprio Cristo vem em nosso socorro quando mais necessitamos e nos encoraja a persistir com fé!




%d blogueiros gostam disto: