Reavivados por Sua Palavra


I CRÔNICAS 9 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS by Jeferson Quimelli
26 de dezembro de 2022, 0:50
Filed under: Sem categoria

811 palavras

1-34 Cronologicamente, este capítulo deveria ser colocado ao final de II Crônicas, porque registra os nomes dos exilados que retornaram do cativeiro babilônico. O escritor faz esta inclusão para demonstrar sua preocupação com sua necessidade, como uma nação, de retornarem ao que os fez grandes – obediência a Deus. Life Application Study Bible.

1 Evidentemente, o relato de Crônicas foi concluído após a deportação para a Babilônia. CBASD – Comentário Bíblico Adventista do Sétimo Dia, vol. 3, p. 150

todo o Israel. A preocupação do cronista com “todo o Israel” é uma das razões chaves pelas quais incluiu as genealogias (Bíblia de Estudo NVI Vida).

Apesar de nem todos em Judá serem infiéis, a nação toda foi levada em cativeiro.Todos foram afetados pelo pecado de alguns. Mesmo que não participemos de um mal feito por uma grande maioria, nós seremos afetados por aqueles que praticam este mal. Não é suficiente dizer: “Eu não participei disso”. Devemos falar contra os pecados de nossa sociedade. Life Application Study Bible.

Livro dos Reis de Israel. Não se refere aos dois livros dos Reis, no Antigo Testamento, mas de um registro civil, porque os nomes dos israelitas que se acham nesse capítulo viveram em Jerusalém depois do cativeiro. Quando caiu o reino do norte, o reino do sul se apossara do nome de Israel (Mq 1.13-15; 2.7; 1.1,9,10) (Bíblia Shedd).

2-16 Esses versículos, até certo ponto, são paralelos de Ne 11.3-19, embora se não descreva ali que os filhos de Efraim e Manassés habitavam em Jerusalém. Nos dias do cronista, após o exílio, representantes de todo o Israel pós-exílico viviam em Jerusalém. Bíblia Shedd.

2 os servos do templo. … realizavam as tarefas mais humildes tais como carregar água e madeira. CBASD, vol. 3, p. 150

3 filhos de Judá […] Benjamim […] Efraim […] Manassés. Cumprimento de Os 1.11 que profetizara que os filhos de Judá e os de Israel habitariam juntos após a amargura do cativeiro. Bíblia Shedd.

10, 11 Quando pensamos no trabalho de Deus, usualmente nos vêm à mente pregar, ensinar, cantar e outras atividades que mais aparecem. Azarias, no entanto, era o responsável pela casa de Deus e ele foi destacado em menção especial. Qualquer que seja a função que você tenha na igreja, ela é importante para Deus. Ele aprecia o seu serviço Ele aprecia o seu trabalho e a sua atitude ao fazê-lo. Life Application Study Bible.

14 levitas. Os descendentes de Levi, filho de Jacó. Desempenhavam várias funções dentro e em volta do templo. Andrews Study Bible.

15 Asafe. Um dos três líderes dos músicos do templo, indicados por Davi. Andrews Study Bible.

17-34. Nesses parágrafos se desenvolve a ideia de que Davi estabelecera, com a ajuda de Samuel, todos os arranjos do templo e seus cultos, efetuados em tempos pós-exílicos. Visto que Davi, na realidade, não edificara o templo, deve ter utilizado a tenda da congregação (tabernáculo), o santuário volante que precedeu o templo. Bíblia Shedd.

19 Corá. Embora morto pelo Senhor, seu clã continuara sendo parte importante da divisão coatita de Levi (6.22-28). Bíblia Shedd.

22 Samuel, o vidente. É interessante notar que Samuel teve uma parte em organizar os serviços do templo. Em nenhuma outra parte há menção desta tarefa da parte de Samuel. CBASD, vol. 3, p. 151.

24 Quatro ventos. Comparar com Números 3:23 a 38, passagem em que Deus, por meio de Moisés, ordena que os levitas acampem em torno dos quatro lados do tabernáculo. CBASD, vol. 3, p. 151.

25 Nas suas aldeias. As famílias dos porteiros do templo viviam em áreas rurais ao redor de Jerusalém. CBASD, vol. 3, p. 151.

Durante sete dias. Provavelmente no sábado [de sábado a sábado] (ver 2Rs 11:5). CBASD, vol. 3, p. 151.

28 Eram contados. Os utensílios sagrados deviam ser cuidadosamente contados, de forma que nenhum se perdesse. CBASD, vol. 3, p. 151.

32 pães da proposição. Os pães colocados no Lugar Santo, simbolizando as fiéis provisões de Deus de comida para seu povo. Andrews Study Bible.

todos os sábados. A cada sábado, o pão da proposição era substituído na mesa de ouro. CBASD, vol. 3, p. 151.

33, 34 de dia e de noite estavam ocupados no seu mister. A adoração era o foco principal de muitos israelitas, cuja vocação se centrava na casa de Deus. A adoração (apreciar a Deus pela Sua natureza e dignidade) deveria ocupar o centro de nossas vidas e não somente uns poucos minutos uma vez na semana. Nós, também, podemos adorar em todas as horas se nos mantivermos conscientes da presença e guia de Deus e se mantivermos uma atitude de servi-Lo. Construa sua vida em torno da adoração de Deus, em vez de fazer da adoração apenas mais uma atividade em uma agenda cheia. Life Application Study Bible.

35 Em Gibeão. Os v. 35 a 44 são quase uma repetição exata do cap. 8:29-38. Repete-se a genealogia de Saul, desta ve como uma introdução ao relato de sua ruína final, no cap. 10, com a qual se inicia a seção seguinte das Crônicas. CBASD, vol. 3, p. 151.

39 Saul. A repetição da genealogia de Saul serve como introdução à história de sua morte, registrada no próximo capítulo. Andrews Study Bible.


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: