Reavivados por Sua Palavra


MARCOS 14 by Jobson Santos
9 de junho de 2021, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://pesquisa.biblia.com.br/pt-BR/NVI/mc/14

Até que você as conheça pessoalmente, certas pessoas podem parecer ter vidas perfeitas, sem problemas. Mas à medida que a amizade cresce e as pessoas se abrem umas com às outras, começamos a perceber que todos lutam contra emoções profundas.

Jesus às vezes é mencionado de forma que parece quase negar a realidade de Sua humanidade. É fácil fazer isso porque muito do contexto histórico em que Jesus viveu é estranho para nós. Além disso, gostamos de pensar em Jesus como tendo tudo sob controle porque, afinal, Ele é Deus. Mas não podemos negar que Jesus experimentou uma emoção profunda e avassaladora enquanto estava nesta terra.

No Jardim do Getsêmani, Jesus ficou “muito angustiado e perturbado” e disse aos seus três discípulos mais próximos: “Minha alma está profundamente triste, numa tristeza mortal a ponto de morrer” (Marcos 14:33-34). E é por isso que Ele trouxe Pedro, Tiago e João com Ele para o Getsêmani. Mesmo sendo o Rei do Universo, Ele precisava do apoio deles neste momento crucial de Seu ministério.

Todos precisam de amigos para apoiá-los em suas angústias. Imagine a diferença que você pode fazer na vida de alguém se for capaz de simplesmente dizer: “Estou aqui para ajudá-lo”.

Tye Davis
Pastor, Igreja Adventista de Regensburg, Alemanha

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/?id=1217
Tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli/Luis Uehara

 

Texto rodada anterior:

No Getsêmani, o quase insuportável peso do pecado tornou-se tão pesado que Jesus não conseguia enxergar vida além da morte no Calvário. Que pensamentos terríveis devem ter passado por Sua mente! Como: “O pecado é tão ofensivo a meu Pai a ponto de Nos separar para sempre?” Sua alma estremece diante de tal pensamento. Nunca, desde os tempos eternos, a Divindade havia experimentado um momento de separação entre Eles, até este instante.

Pai, “Afasta de mim este cálice” (v. 36); Pai, “Afasta de mim este cálice” (v. 39). Qual cálice? O cálice da separação do Pai. Você consegue, em sua imaginação, ouvir as palavras que saem de Sua trêmula boca? “Pai, por favor, eu estou com muito medo. Não posso suportar o pensamento de estar separado de Ti para sempre. Mas eu amo a humanidade, minha família terrena, de tal maneira que estou disposto a desistir de ser Deus, se necessário, a fim de salvá-los. Eu escolhi correr o risco da morte eterna a perder um só ser humano. Pai, “Que a Tua vontade seja feita!”

Você já descobriu o quão incrivelmente especial você é para Deus, a ponto de fazer tão profundo sacrifício em teu benefício?

Jim Ayer
Vice-presidente da Rádio Mundial Adventista

 

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/?id=1217


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: