Reavivados por Sua Palavra


2Crônicas 02 – Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
17 de janeiro de 2023, 0:45
Filed under: Sem categoria

“Disse mais Hirão: Bendito seja o Senhor, Deus de Israel, que fez os céus e a terra; que deu ao rei Davi um filho sábio, dotado de discrição e entendimento, que edifique casa ao Senhor e para o seu próprio reino” (v.12).

Como Davi lhe havia orientado, dotado da sabedoria e conhecimento concedidos por Deus, Salomão resolveu “edificar a casa ao nome do Senhor, como também casa ao seu reino” (v.1). Enviando carta a Hirão, rei de Tiro, a fim de arrecadar a madeira necessária para a construção e um artífice habilidoso para liderar a obra, Salomão se mostrou amistoso confirmando a relação pacífica com Hirão, já estabelecida no reinado de Davi.

As palavras do rei estrangeiro revelam seu conhecimento acerca do Deus de Israel. Certamente, a aliança estabelecida com Davi não se limitou apenas a um acordo político, mas resultou em uma troca de conhecimento. Assim como Salomão sabia da habilidade daquele povo em corte de madeira e construção, Hirão sabia que foi o “Deus de Israel, que fez os céus e a terra” (v.12). Certamente, Hirão viu e ouviu, através de Davi, o suficiente para lhe dar esta certeza.

A “grande e maravilhosa” (v.9) Casa do Senhor seria erguida para não encontrar rival. Estabelecida para ser a mais grandiosa construção de todos os tempos, foi separado para este propósito um tesouro de incalculável valor. Às mãos dos estrangeiros residentes em Israel coube o serviço de construção. Como em tempos remotos os estrangeiros construíram o templo de Salomão, o evangelho do reino pregado aos gentios os tornou coedificadores da igreja cristã, dando continuidade à obra dos apóstolos.

Necessitamos, hoje, de filhos como Salomão, que foi reconhecido como “um filho sábio, dotado de discrição e entendimento” (v.12), e líderes como Hirão-Abi, “homem sábio de grande entendimento” (v.13). Notem que o rei de Tiro não glorificou o nome de Davi nem o de Salomão, e sim o nome do Senhor. A nossa vida não deve se destacar pelo que temos ou pelo que fazemos, mas deve apontar para Deus, o Arquiteto e Edificador da nossa vida.

Como santuários de Deus, há uma “grande e maravilhosa” (v.9) obra acontecendo em nós. Contemplando o Senhor através de Sua Palavra, “somos transformados de glória em glória, na Sua própria imagem, como pelo Senhor, o Espírito” (2Co.3:18). As nossas escolhas definem de que tipo de material estamos sendo edificados. Ninguém pode dizer que pertence ao Senhor enquanto as vontades pessoais dominam a mente e o coração.

Aquele “que os céus e até os céus dos céus O não podem conter” (v.6), Se oferece para fazer morada em você e em mim. Deus requer de nós um reavivamento e reforma que redundará na conclusão da boa obra que Ele começou (Fp.1:6), e para isso, nos deixou à disposição os melhores materiais: Bíblia, oração e missão. Que nas mãos do perfeito Artífice sejamos casa do Senhor para a Sua glória! Vigiemos e oremos!

Bom dia, santuários do Espírito Santo!

Rosana Garcia Barros

#2Crônicas2 #RPSP

Comentário em áudio: youtube.com/user/nanayuri100


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: