Reavivados por Sua Palavra


GÊNESIS 30 by Jobson Santos
12 de fevereiro de 2022, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: Texto bíblico: https://www.bibliaonline.com.br/nvi/gn/30

Disfunções familiares aparecem de forma escandalosa em Gênesis 30. Rivalidade entre irmãos, poligamia, ciúmes, manipulação, controle, subornos, raiva – está tudo lá!

Considere, por exemplo, a exigência de Raquel: “Dê-me filhos ou morrerei”. A identidade de Raquel estava baseada em ter ou não filhos. Procurando satisfazer suas próprias necessidades, ela fez exigências impossíveis ao marido frustrado. Sua felicidade dependia de circunstâncias externas que ela não podia controlar. Se não conseguisse o que queria, então ela preferiria morrer.

“Dê-me o que preciso ou não serei feliz.” “Dê-me o que eu quero ou então…” Motivos trágicos que expõem corações egoístas. Palavras trágicas que continuam a destruir lares e vidas hoje.

Mais tarde, as palavras de Raquel “tive uma grande luta com minha irmã e venci” revelam que ela estava mais interessada em vencer do que em cultivar um relacionamento. Quantos relacionamentos já foram destruídos pela necessidade de vencer ou ter razão? Quantos de nós manipulamos e controlamos os outros para que satisfaçam nossas necessidades?

Quando confiamos que Deus satisfará nossas necessidades, encontramos segurança interna e felicidade que não podem ser encontradas manipulando ou controlando os outros. Podemos encontrar nossa identidade em Deus, sem precisarmos depender de outros seres humanos para sermos pessoas felizes.

Lori Engel
Capelã
Eugene, Oregon EUA

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/bhp/en/bible/gen/30
Tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli/Luis Uehara


1 Comentário so far
Deixe um comentário

Na cultura em que Raquel estava inserida, a necessidade de ter filhos ia muito além de circunstâncias externas ou até mesmo de sua própria felicidade, visto que as pessoas de sua época interpretavam a esterilidade como um desfavor ou mesmo castigo divino. Raquel visava à bênção de Deus, prestígio social, formar uma família… quem não deseja?

Comentário por José Magalhães




Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: