Reavivados por Sua Palavra


JUÍZES 20 – COMENTÁRIO PR HEBER TOTH ARMÍ by Jeferson Quimelli
1 de setembro de 2022, 0:40
Filed under: Sem categoria

JUÍZES 20 – A sociedade caótica por causa do orgulho, egoísmo, rancor, desconfiança, inveja, ciúme, ambição, preconceito, imoralidade, perversidade, crueldade, violência, corrupção, vingança, perversão sexual e assassinatos, destrói as relações humanas. Angústia toma conta do coração dos indivíduos devido à alta periculosidade da sociedade sem princípios. Drogas, furtos, estupros, pedofilia e guerrilhas tornam-se comuns em lugares assim. Traição, rejeição, abandono, desrespeito e injustiça vão reger o comportamento humano.

Quando se vive alheio aos princípios da revelação divina, a consequência natural é estabelecer padrões próprios e humanos de comportamento. Cada um assume ser seu próprio deus e faz o que meramente acha correto. “E quando o ser humano não tem um padrão de comportamento espiritual e moral baseado na vontade divina, não existem limites para as perversões às quais ele pode chegar”; consequentemente, “aquilo que o homem vive separado de Deus é, na verdade, um arremedo de vida, uma caricatura, qualquer coisa, menos vida”, conclui Alejandro Bullón.

A história de Israel sem rei e sem a Lei de Deus como código de conduta mostra a sociedade do povo de Deus em plena anarquia (Juízes 19). Após o levita de Belém esquartejar e espalhar os pedaços de sua concubina ao ter sido estuprada até morrer por pervertidos sexuais, levantou-se terrível guerra civil (Juízes 20:1-11). A mensagem ensanguentada despertou o senso de justiça nos israelitas contra os benjamitas. Ao invés de entregar os culpados depravados, os benjamitas se armaram para guerrear (Juízes 20:12-16).

Os israelitas consultaram a Deus; tiveram Sua aprovação para a guerra civil (Juízes 20:17-18, 23). Contudo, os benjamitas obtiveram a vitória em duas batalhas. Embora estivessem contra a vontade de Deus, venceram por duas vezes. Uma verdadeira carnificina (Juízes 20:9-25). Deus queria que as pessoas abrissem os olhos para a desgraça do pecado e corressem para Ele. E foi só assim que os israelitas conseguiram vencer os benjamitas (Juízes 20:26-48). “Completamente desoladas, as onze tribos foram compelidas a fazer um exame de consciência e chorar por seus pecados… somente depois de muito choro e exame de consciência e sacrifícios de sua parte, Deus prometeu-lhes a vitória (Juízes 20:26-28)” analisa Roy Gane.

Hoje também precisamos examinar nossa consciência, chorar por nossos pecados e consagrar-nos a Deus a fim de lidar com fortes influências do mal. Reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: