Reavivados por Sua Palavra


II SAMUEL 8 – COMENTÁRIO PR. HEBER TOTH ARMÍ by Jeferson Quimelli
15 de outubro de 2022, 0:40
Filed under: Sem categoria

II SAMUEL 8 – Para entender certos aspectos da história sagrada, é necessário compreender seu contexto.
• Quem sempre viveu em palácios tem dificuldade de entender quem vive na favela, e vice-versa.
• Quem nunca administrou uma empresa tem dificuldade para entender dilemas dos empresários e gerentes.
• Quem nunca esteve num contexto social bélico, dificilmente entenderá como o Deus da Bíblia envolveu-se com tantas guerras.

Davi foi um homem de Deus, todavia envolve-se em inúmeras batalhas; isso porque estava rodeado de nações ambiciosas, gananciosas, sempre intentando ampliar seus territórios invadindo e destruindo outras nações; sem contar que, a Terra de Canaã, garantida por Deus a Abraão, fora invadida pelos filisteus e outras nações pagãs. Então, desde a conquista de Israel à Terra Prometida, boa parte da história sagrada esteve relacionada a guerras.

A morosidade em entender ao pedido divino de erradicar os invasores pagãos da Terra Prometida, postergou o período de descanso e paz que Deus almejava para Seu amado povo. Davi empenhou-se em avançar naquilo que outros antes dele negligenciaram. Então, após apresentar suas vitórias sobre os filisteus no oeste, os moabitas no leste, os arameus e sírios no norte, e os edomitas no sul (II Samuel 8:1-14), o texto inspirado declara que “o Senhor dava vitórias a Davi em todos os lugares aonde ia” – mostrando assim que, em meio ao Grande Conflito, Deus concede vitórias àqueles que procuram fazer Sua vontade.

Com esse contexto em mente, fica mais fácil compreender que Davi, ao organizar sua equipe administrativa para o governo, trouxe Benaia – filho do sacerdote Joiada – para junto de si. O qual foi sacerdote/líder espiritual, e também serviu como oficial militar de Davi – uma exceção no contexto do Santuário.

Davi progredia maravilhosamente bem como rei de Israel. Ellen White destaca que, até esse momento, “o registro de Davi como governante fora tal como poucos monarcas já o tiveram… Sua integridade conquistara a confiança e lealdade da nação” (PP, 719). “Foi mediante o preparo na escola das agruras e tristezas que Davi se habilitou a declarar que ‘julgava e fazia justiça a todo o seu povo’ (II Sam. 8:15)” (Ed, 152).

As dificuldades da vida nos ensinam a ver as coisas de forma diferente; e, tornam-nos pessoas diferenciadas! Portanto, nas dificuldades, sejamos bons alunos, aprendamos… Reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.

Comentário da rodada anterior: https://reavivadosporsuapalavra.org/2019/07/14/ii-samue-8-comentario-pr-heber-toth-armi/


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: