Reavivados por Sua Palavra


JUÍZES 19 by Luís Uehara
31 de agosto de 2022, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://www.bibliaonline.com.br/nvi/jz/19

Morrendo, uma mulher estuprada por uma gangue está jogada no limiar da residência que hospedava aquele que a traíra, com seus braços estendidos em um último apelo por misericórdia.

A história da concubina retrata vividamente a desvalorização que tradicionalmente as mulheres viviam. O levita – separado por Deus como um servo no santuário – praticara um comportamento espantosamente egoísta. Buscando se proteger do estupro homossexual, ele forçou sua concubina a sair e se expor à gangue de homens enlouquecidos pela luxúria. Em vez de amor, proteção e segurança, ela encontrou apenas abusos mortais.

Juízes é uma representação da luta entre fé e cultura. E a fé sai perdendo. Esta história horrível é simbólica de uma nação em que as pessoas fizeram o que era certo aos seus próprios olhos. Quando as pessoas vivem apenas pelo que parece certo, não mais ancoradas por uma bússola moral, a terrível depravação é o resultado. Tragicamente, a selvageria e a imoralidade dessa história são bastante comuns nos ciclos de notícias de hoje.

Não se pode ler Juízes 19 sem estremecer. No entanto, histórias semelhantes são repetidas de várias maneiras todos os dias ao redor do mundo, até mesmo na igreja. Quantos homens, procurando proteger-se ou a seus direitos, sujeitam as mulheres a várias formas de abuso?

Mulheres abusadas ainda estendem os braços, apelando por misericórdia. Nós vamos ouvi-las?

Lori Engel
Capelã (atualmente com necessidades especiais)
Eugene, Oregon USA

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/bhp/en/bible/jdg/19
Tradução: Pr. Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli/Luis Uehara


1 Comentário so far
Deixe um comentário

Infelizmente é essa a realidade também desse mundo contemporâneo

Comentário por DUARTE




Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: