Reavivados por Sua Palavra


1Coríntios 10 – Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
18 de setembro de 2021, 0:45
Filed under: Sem categoria

“Estas coisas lhes sobrevieram como exemplos e foram escritas para advertência nossa, de nós outros sobre quem os fins dos séculos têm chegado” (v.11).

A história de Israel está repleta de símbolos e tipos que apontam para realidades espirituais e nos servem como exemplos a fim de que possamos compreendê-las. A coluna de nuvem, o maná, a água da rocha, todas estas coisas representam a verdade em Cristo ensinada de forma didática e lúdica. Entretanto, outras situações com relação a Israel também “se tornaram exemplos para nós, a fim de que não cobicemos as coisas más, como eles cobiçaram” (v.6). Apesar de sua eleição e do fato de ser o povo da aliança, “Deus não Se agradou da maioria deles” (v.5). Idolatria, imoralidade, incredulidade e murmuração foram os pecados capitais que os fizeram ficar “prostrados no deserto” (v.5).

Todavia, Deus não omitiu os pecados do Seu povo, nos deixando o registro exato da experiência que deve nos fazer refletir como Sua última igreja. “Deus é fiel” (v.13) e não permite que sejamos tentados além das nossas forças. Para cada tentação, Ele provê um escape. Ninguém que verdadeiramente escolhe confiar em Deus é decepcionado. Isso não significa que não teremos momentos tristes, difíceis ou angustiosos, mas que, mesmo nos momentos mais dramáticos, Ele promete estar conosco e nos dar livramento. Lembrem de José no Egito. Vendido como escravo por seus próprios irmãos, preso de forma injusta, vítima da ingratidão e, ainda assim, firme em seus princípios e confiante nos propósitos divinos. Há recompensa para todo aquele que confia no Senhor; que não negocia princípios e nem corrompe o caráter a fim de agradar quem quer que seja.

Não ponhamos o Senhor à prova” (v.9), amados! No deserto desta vida estamos cercados das “serpentes” mortais da tentação e só sairemos ilesos se olharmos para Aquele que foi vitorioso por nós. Jesus venceu no deserto e venceu na cruz nos deixando a única rota segura de alcançarmos a Canaã celestial: olhando para Ele. Infelizmente, a história de Israel se repete. Há idolatria, imoralidade, incredulidade e murmuração no meio do povo de Deus. Estamos às portas do cumprimento da promessa e parece que nossos planos incluem longos e prósperos anos nesta terra de pecado. E práticas e atitudes que antes eram inaceitáveis passaram a ser rotina compondo uma religião líquida e sem profundidade.

Não [podemos] beber o cálice do Senhor e o cálice dos demônios” (v.21), meus irmãos! Diante da indecisão do povo, Josué exigiu uma resposta: “Porém, se vos parece mal servir ao Senhor, escolhei, hoje, a quem sirvais; se aos deuses a quem serviram vossos pais que estavam dalém do Eufrates ou aos deuses dos amorreus em cuja terra habitais. Eu e a minha casa serviremos ao Senhor” (Js.24:15). Diante de um povo de coração dividido, Elias provocou: “Até quando coxeareis entre dois pensamentos? Se o Senhor é Deus, segui-O; se é Baal, segui-o” (1Rs.18:21). Servir a Deus não requer de nós presença de palco, e sim estar constantemente nos bastidores de Sua vontade. Foi quando Israel subiu no pedestal do orgulho que sua queda tornou-se fatal.

Portanto, quer comais, quer bebais ou façais outra coisa qualquer, fazei tudo para a glória de Deus” (v.31). Talvez este seja um dos melhores resumos do estilo de vida cristão ideal. Fazer tudo para a glória de Deus significa viver para Ele, por Ele e por meio dEle. É se colocar na posição de instrumento e se manter à disposição do Espírito Santo. Que você e eu sejamos estes instrumentos nas mãos de Deus. Que nossas escolhas reflitam um caráter que está subindo os degraus da perfeição em Cristo. Vigiemos e oremos!

Feliz sábado, instrumentos do Senhor! Feliz dia mundial dos desbravadores à toda nação de lenço amarelo!

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus #1Coríntios10 #RPSP

Comentário em áudio: youtube.com/user/nanayuri100


1 Comentário so far
Deixe um comentário

Excelente!
Bom dia!

Comentário por Silvio Fernandes




Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: