Reavivados por Sua Palavra


RUTE 4 – Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
5 de junho de 2019, 0:30
Filed under: Sem categoria


“Ele será restaurador da tua vida e consolador da tua velhice, pois tua nora, que te ama, o deu à luz, e ela te é melhor do que sete filhos” (v.15).


A vida de uma mulher de origem pagã, viúva, pobre e humilde, revelou grandeza, sabedoria, fé e amor. De uma história que tinha tudo para dar errado, à fantástica história de como uma vida entregue a Deus pode se tornar a maior declaração de amor por Ele. Rute abriu mão de viver conforme a sua vontade, para viver a vontade do Senhor. E Deus a livraria de um casamento infeliz. Havia outro resgatador antes de Boaz, que é chamado apenas de “fulano” (v.1). Contudo, não era plano de Deus que o fulano se casasse com Rute, pois suas atitudes revelaram seu verdadeiro caráter: descompromissado com o Senhor. Ele logo aceitou a terra de Noemi, mas recusou-se a arcar com as obrigações do levirato. Aceitou os direitos, mas não os deveres. Com isso, deixou a Boaz o caminho livre para assumir tanto um, quanto o outro.

“Disse, pois, o resgatador a Boaz: Compra-a tu. E tirou o calçado” (v.8). Esse costume encontra-se registrado em Deuteronômio 25:9-10. Se um resgatador não aceitasse assumir tal responsabilidade, este tiraria o calçado. Mas esta recusa era considerada tão desprezível, que até cuspiam em sua face. Além do mais, sua casa seria conhecida em Israel como “a casa do descalçado” (Dt.25:10). O Fulano não quis assumir sua obrigação, no entanto, havia um Boaz para assumi-la. Diante de testemunhas, Boaz comprou tudo o que pertencia a Noemi e tomou Rute por mulher. Do casamento, nasceu Obede, avô do rei Davi, da linhagem do Messias. Que privilégio!

Rute não precisou fazer muito, mas no pouco que fez amou sem medidas. E foi esse amor que a levou a ser reconhecida como “melhor do que sete filhos”. Vocês têm ideia do valor desse elogio? Um filho homem era considerado, naquela cultura, a maior das bênçãos. Ter um filho varão era como um tesouro de grande valor. Se tivessem dito que Rute valia mais do que um filho já seria um grande elogio. Imaginem uma mulher, de origem pagã, ser considerada melhor do que sete filhos! Isso nos prova que o verdadeiro amor supera qualquer grandeza aos olhos humanos; que Deus havia escolhido Israel como a nação eleita, mas todos eram convidados a fazer parte da nação do Senhor. Lembremos que, antes de tudo, Rute tomou uma decisão. Suas palavras comoventes e firmes (Rt.1:16) testificam do seu caráter íntegro e da sua fidelidade para com Deus.

Aonde você se encaixa nessa história? Você tem sido uma Rute, que se coloca nas mãos do Senhor, que espera, confia e faz a vontade de Deus por amor? Você é um Boaz, que cumpre fielmente a parte que lhe é devida, que escolhe assumir tanto os direitos quanto os deveres de um verdadeiro cristão? Ou você tem sido apenas mais um Fulano da vida, que prefere tirar o calçado do que pisar firme na decisão de seguir a Deus assumindo os direitos e deveres de seu compromisso com o Alto?

O mundo está repleto de “Fulanos”, que lotam as igrejas em busca de bênçãos, e não em busca do Senhor das bênçãos. Notem que Rute escolheu servir a Deus na adversidade. Ela não recebeu bênçãos para depois servi-Lo. Ela amou e serviu ao Senhor e, como consequência, recebeu as bênçãos.

A Bíblia diz: “De tudo o que se tem ouvido, a suma é: Teme a Deus e guarda os Seus mandamentos; porque isto é dever de todo homem” (Ec.12:13). Observem que a Bíblia não diz que é o dever de todo israelita, ou de todo judeu. Este é o dever de todo homem! Rute compreendeu isto mais do que o povo que batia no peito para dizer que era de Deus, e seu nome está escrito na genealogia de Jesus Cristo. Amados, o Senhor nos chama a tomar uma decisão firme e inabalável, assim como foi a decisão de Rute. Ele não promete as bênçãos que desejamos, Ele promete as bênçãos que precisamos. Ser Fulano é ficar limitado aos tesouros que o mundo oferece. Ser filho sábio é ser herdeiro dos ilimitados tesouros celestes. “Seja o Senhor bendito” em tua vida e que o teu nome “seja afamado” no meio do Seu povo (v.14)! Vigiemos e oremos!

Bom dia, filhos sábios do Senhor!

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus #Rute4 #RPSP

Comentário em áudio:
youtube.com/user/nanayuri100


1 Comentário so far
Deixe um comentário

O cuidado e amor de Deus por pessoas desprezadas. Mulheres, viúva e estrangeira.

Comentário por Isabel Cristina de Almeida




Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: