Reavivados por Sua Palavra


ISAÍAS 57 – Comentário Rosana Barros by Ivan Barros
16 de julho de 2017, 0:30
Filed under: Sem categoria


“Porque assim diz o Alto, o Sublime, que habita a eternidade, o qual tem o nome de Santo: Habito no alto e santo lugar, mas habito também com o contrito e abatido de espírito, para vivificar o espírito dos abatidos e vivificar o coração dos contritos” (v. 15).


A fidelidade, além de fazer parte do fruto do Espírito (Gálatas 5:22), é um atributo inerente a Deus e que por Ele é outorgado a todo aquele que nEle crê como o Deus único e verdadeiro. Assim como em um casamento, a aliança do SENHOR com o Seu povo deveria ter sido respeitada e levada muito a sério. Mas Israel havia caído na idolatria e maculado o concerto que o tornava nação eleita.

De uma forma desafiadora e extremamente corrupta, o povo de Deus revelou o que de pior havia em seu coração. Sacrificavam os próprios filhos, colecionavam ídolos, e, abominações, como “símbolos eróticos” (v. 8) e rituais sensuais, faziam parte de uma ritualística satânica e completamente avessa aos “que andam em retidão” (v. 2).

Entretanto, apesar deste cenário caótico e abominável, Deus suscita uma luz no fim do túnel. O Deus “que habita a eternidade” estava disposto a estender a Sua paz aos arrependidos. Usando uma das figuras de linguagem mais lindas das Escrituras, “o Alto, o Sublime” se dispõe a habitar “com o contrito e abatido de espírito”. Uau! Mais uma vez, estamos diante da extravagante graça de Deus! Ele estava mesmo falando acerca daquele mesmo povo citado dos versos 3 a 12? Incrivelmente, sim.

O amor de Deus não é uma autorização para pecar. Muitos têm distorcido o verdadeiro caráter do amor divino como uma desculpa para seus atos insanos. Não podemos ignorar o fato de que Deus também fica indignado e, por conseguinte, também faz juízo. Porém, “o caminho da sua escolha” (v. 17) não muda o amor de Deus por você, mas pode mudar o seu amor por Ele. E é exatamente aí onde mora o perigo.

A cura espiritual só pode acontecer na vida daquele que se permite ser curado. Não adianta tentar consertar o que só Deus tem o poder de o fazer. A idolatria pode não ter hoje as mesmas práticas que antes, mas ela continuará existindo até que Cristo volte para dar a herança daqueles que nEle confiam (v. 13). Satanás tem entrado na maioria dos lares em forma de ídolos disfarçados, sendo verdadeiros “tropeços [no] caminho” (v. 14) do povo do SENHOR. E está mais do que na hora de reconhecermos estas “pedras lisas” (v. 6) que levarão muitos “até à profundidade do sepulcro” (v. 9) e clamarmos com contrição para que o SENHOR nos livre deste mal.

Não é propósito de Deus tirar do pecador “o fôlego da vida” (v. 16), mas, por Sua bondade, conduzi-lo ao arrependimento (Romanos 2:4) e conceder-lhe nova vida. Não tem nada de complicado na oferta divina. Ele escolheu nos amar, nos perdoar e nos dar uma vida feliz e em paz. Ponto. Mas cabe a mim e a você escolher aceitar esta oferta ou seguir “o caminho da [nossa] escolha” (v. 17).

Só existem dois caminhos a seguir, amados, e o final de cada um é o resultado do que ofereceram no decorrer do percurso da vida. “Para os perversos, diz o meu Deus, não há paz” (v. 21), “mas o que confia em Mim herdará a terra e possuirá o Meu santo monte” (v. 13). Deus quer lhe sarar, guiar e consolar. Que a tua escolha não seja seguir na “tua longa viagem” (v. 10) cansativa e vã, e sim os passos dAquele que nos deixou exemplo (I Pedro 2:21).

Bom dia, habitação do Santo!

Desafio do dia: Ore e peça ao SENHOR que lhe ajude a livrar-se do que pode estar afetando a sua comunhão com Ele.

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus
#Isaías57
#RPSP


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: